PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Drone interceptado enquanto sobrevoava presídio em Aquiraz

A unidade é voltada a presos dos perfis LGBTs, idosos, cadeirantes e aqueles que respondem à Lei Maria da Penha

21:44 | 31/08/2019
O equipamento carregava uma serra, aparelho celular e cabo USB
O equipamento carregava uma serra, aparelho celular e cabo USB(Foto: Reprodução/WhatsApp O Povo)

Atualizada às 16 horas de 1º de setembro

Um drone foi interceptado na noite deste sábado, 31, enquanto sobrevoava a Unidade Prisional Irmã Imelda Lima Pontes, em Aquiraz (Região Metropolitana de Fortaleza).

O equipamento carregava uma serra, aparelho celular e cabo usb e foi interceptado por agentes da guarita de vigilância. Não foram informados possíveis suspeitos da prática criminosa.

A Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) informou que o objeto não tem vínculo com o sistema penitenciário e nem possuía aviso prévio de sobrevoo. Nesses casos, a determinação da SAP é abater o aparelho.

"Assim como o manda o protocolo da SAP, os agentes plantonistas abateram um equipamento que foi identificado como um drone. Os agentes também empreenderam rondas internas e externas a unidade prisional, mas não encontraram nenhum indivíduo que pudesse operar o objeto", completou a nota.

Com capacidade para 200 internos, o presídio Irmã Imelda é voltado a presos dos perfis: LGBTs, idosos, cadeirantes e aqueles que respondem à Lei Maria da Penha.