Participamos do

Quarto suspeito de envolvimento na morte do escrivão da Polícia Civil é detido em Caucaia

A apreensão foi realizada no último sábado, 22, pela Polícia Civil. O adolescente foi conduzido para uma unidade receptora do Estado.
09:32 | Jan. 24, 2022
Autor Pedro Rocha
Foto do autor
Pedro Rocha Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Foi apreendido o quarto suspeito de envolvimento no assassinato do escrivão da Polícia Civil do Ceará (PC-CE), Edson Silva Macedo. O adolescente de 15 anos foi encontrado no último sábado, 22, durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão realizado pela Polícia em Caucaia, mesmo município onde o crime foi realizado, no dia oito de janeiro. O escrivão, que tinha 41 anos, foi morto com tiros de arma de fogo.

No momento do crime, a vítima trocou tiros com os bandidos. O policial foi baleado na nuca e morreu na hora. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o escrivão ficou sabendo de uma possível invasão às dependências do imóvel que era dono, e resolveu ir ao local checar. Logo ao chegar, Edson foi recebido com vários tiros e revidou. O corpo da vítima foi encontrado na sala da casa pela Polícia Militar, que foi acionada pelos vizinhos.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

De acordo com a Polícia Civil do Ceará, Edson havia ingressado na corporação em 2018 e atualmente trabalhava como escrivão no 20° Distrito Policial, em Acaracuzinho, no município de Maracanaú. A Polícia, por meio de rede social, lamentou o ocorrido e disse estar trabalhando para esclarecer todas as informações sobre o crime. “A PCCE lastima a perda de um dos seus integrantes e se solidariza com os familiares e amigos, ao passo que reforça que o crime que vitimou o escrivão não passará impune”, afirmou o órgão.

Foragido

Segundo os órgãos de segurança pública do Estado, as equipes continuam em busca de capturar outro envolvido na ação criminosa. O foragido é Carlos Roberto Oliveira da Silva, de 18 anos, conhecido como "Fazendeiro". Quando adolescente, Carlos Roberto respondeu por vários atos inflacionários análogos aos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e roubo.

A PC-CE ressalta que a população pode contribuir com as investigações repassando informações aos policiais. As denuncias podem ser feitas pelo telefone (85) 3257 4807, número do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags