PUBLICIDADE
Ceará
Noticia

Centro de Saúde Meireles será reformado para funcionar como unidade de especialidade pediátrica

Para não prejudicar o atendimento, a instituição terá programas e serviços transferidos para outras unidades de Fortaleza

19:59 | 07/07/2021
Centro de Saúde vai passar por reformas (Foto: centrosaudemeireles.com)
Centro de Saúde vai passar por reformas (Foto: centrosaudemeireles.com)

O Centro de Saúde Meireles será reformado, a partir da primeira semana de agosto, e no equipamento vai passar a funcionar o Centro de Especialidades Pediátricas do Estado — com entrega prevista para abril de 2022. Conforme informações divulgadas pelo Governo do Ceará, nesta quarta-feira, 7, para não prejudicar o atendimento, a instituição terá programas e serviços transferidos para outras unidades de Fortaleza.

Segundo órgão, o Centro de Especialidades vai ser uma unidade de referência da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) destinada a crianças e adolescentes, realizando atendimento de média e alta complexidade. Equipes multiprofissionais vão atuar em ambulatórios de "Pediatria em geral" e também em áreas especializadas, como ginecologia, dermatologia, endocrinologia, pneumologia e neurologia.

LEIA MAIS | Ceará confirma 58 novas mortes pela Covid-19 em 24 horas

Quem perdeu agendamento da vacinação de Covid-19 deve esperar repescagem

Com capacidade para mais de dez mil consultas ao mês, a nova unidade também vai realizar exames laboratoriais e de imagem. No espaço serão prestados ainda serviços em áreas como enfermagem, nutrição, serviço social, psicologia, fisioterapia, fonoaudiologia e terapia ocupacional. O serviço assistencial poderá ser acessado por agendamento na Central de Regulação Estadual.

Em decorrência do processo de reforma e da mudança, a Sala de Vacinação que funciona no Centro de Saúde será fechada por um período temporário. Por essa razão, quem ia tomar as vacinas de campanhas sazonais ou permanentes no espaço deve buscar por uma unidade de saúde municipal.

Programas e serviços transferidos

Além de fechar a sala de vacinação, a reforma vai fazer com que programas e serviços sejam transferidos a outros espaços, a fim de que a população continue sendo assistida. O programa de assistência às crianças com alergia à proteína do leite de vaca (APLV), por exemplo, será transferido de forma provisória para o Centro de Treinamento Professor Antônio de Albuquerque Sousa Filho, situado na rua Adolfo Moreira de Carvalho, no bairro Edson Queiroz, em Fortaleza.

Transferências vão ocorrer em decorrência da reforma.
Transferências vão ocorrer em decorrência da reforma. (Foto: Governo do Ceará)

O Centro de Atenção à Saúde do Homem também será transferido, mas de forma permanente, conforme informado pelo Governo. O serviço será deslocado para o Hospital e Maternidade José Martiniano de Alencar (HMJMA), que fica localizado na rua Princesa Isabel, 1526, no Centro de Fortaleza. 

Outra realocação que deve acontecer é quanto ao Programa de Atenção à Saúde da Pessoa Ostomizada que, dentre outros serviços, assegura o fornecimento de bolsas coletoras. No entanto, tanto o tratamento como o acompanhamento realizado pelo serviço ainda não têm um espaço definido para ser alocado.