PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Relembre alguns dos maiores sucessos do cantor Dedim Gouveia, o Rei do Xote

O cantor estava internado desde o ultimo dia 11 de abril mas não resistiu as complicações da doença

23:26 | 19/04/2021
O cantor cearense tinha 61 anos (Foto: Divulgação)
O cantor cearense tinha 61 anos (Foto: Divulgação)

O cantor José da Silva Gouveia, conhecido como Dedim Gouveia, morreu na noite desta segunda-feira, 19. O cantor cearense nasceu no município de Redenção, a cerca de 60 km da Capital. Ele tinha 61 anos e estava internado desde o dia 11 de abril, no Hospital Dr. Carlos Alberto Studart Gomes, em Fortaleza, para tratar de um caso grave de Covid-19.

LEIA TAMBÉM: Cantor Dedim Gouveia morre aos 61 anos por complicações de Covid-19

Filho de Florentino Alves Neto e Maria Silva Gouveia, criado pela avó Isabel Moreira. Cresceu no distrito de Serra da Faísca e começou no mundo forrozeiro com apenas 16 anos. Com mais de 40 anos de carreira, Dedim alegrou o povo nordestino com sua musicalidade, voz cativante, animação nos palcos e seu bordão inconfundível: "Taca o pau, Dedim Gouveia!".

Ele também ficou conhecido pelo título de “Rei do xote”. O cantor era um dos grandes intérpretes do chamado “forró de malícia'' e colecionou sucessos como “Ela Não Larga Eu”, “O Espinhaço do Véi”, “Zé Priquito" e “O Lobisomem”. Ao todo, o artista lançou 13 CDs e 5 DVDs.

LEIA TAMBÉM: Ceará contabiliza 623 mil casos de Covid-19 e 16.307 óbitos pela doença

Nas redes sociais, amigos do meio musical postaram sobre sua morte. A cantora Taty Girl declarou luto. "Que Deus te receba" escreveu para o cantor. Toca do Vale, também forrozeiro, espressou sua tristeza. "Descanse em paz, meu amigo!", escreveu. Além de fãs e amigos, Dedim Gouveia deixa esposa e seus quatro filhos.