PUBLICIDADE
Ceará
Noticia

Hospital Waldemar Alcântara terá mais 37 leitos para Covid-19 até final de março

A unidade tem, hoje, 35 leitos de enfermaria e nove de UTI adulto para Covid-19

14:25 | 25/02/2021
A taxa de ocupação de UTIs no Ceará é de 91,08% (Foto: Divulgação/ Governo do Ceará)
A taxa de ocupação de UTIs no Ceará é de 91,08% (Foto: Divulgação/ Governo do Ceará)

Uma obra está sendo realizada no Hospital Geral Dr. Waldemar Alcântara (HGWA) para expandir suas estruturas e oferecer 37 novos leitos de enfermaria para tratamento de pacientes com Covid-19. A previsão de entrega informada pela pasta é para o fim do mês de março.

Atualmente, o HGWA trabalha com 35 leitos de enfermaria adulto e nove leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) para casos da doença. No caso dos pacientes infantis, o HGWA está com 25 leitos de enfermaria e oito UTIs.

| LEIA MAIS | Dez hospitais de Fortaleza têm 100% das UTIs para Covid-19 ocupadas

Taxa média de ocupação dos leitos de UTI em Fortaleza se mantém acima de 90% há nove dias

De acordo com o diretor-geral do Hospital, Denys Briand, as novas vagas ficarão instaladas no 1º andar e, após a pandemia, serão incorporadas aos leitos já existentes no hospital. “Como hospital de média e alta complexidade, o HGWA entra como um forte apoio à rede de saúde no atendimento e cuidado dos pacientes infectados”, afirmou Briand.

Além disto, nesta semana, o governador do Ceará, Camilo Santana, informou que o Estado terá 811 leitos de UTI exclusivos para Covid-19 até o fim de fevereiro, 108 a mais do que o Estado havia previsto inicialmente. A meta é chegar a 1.074 leitos até o fim de março. O número ultrapassa o total que o Estado dispôs no primeiro pico da pandemia, em 2020.

| SAIBA MAIS | Sesa recomenda medidas especiais para 170 municípios com risco alto ou altíssimo para Covid-19