PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Conselho de Educação emite parecer que orienta ensino remoto até dezembro no Ceará

O documento No. 205/2020, datado de 22 de julho de 2020, é direcionado à Educação Básica, à Educação Profissional Técnica de Nível Médio e à Educação Superior

17:48 | 24/07/2020
Parecer do Conselho de Educação orientou ensino remoto no Ceará até 31 de dezembro de 2020 (Foto: Barbara Moira)
Parecer do Conselho de Educação orientou ensino remoto no Ceará até 31 de dezembro de 2020 (Foto: Barbara Moira)

O Conselho Estadual de Educação (CEE) emitiu um parecer orientando as instituições de ensino a darem continuidade às aulas remotas até 31 de dezembro de 2020. O documento Nº 205/2020, datado de 22 de julho de 2020, é direcionado à Educação Básica, à Educação Profissional Técnica de Nível Médio e à Educação Superior, que compõem o Sistema de Ensino do Estado do Ceará.

O parecer foi emitido mesmo após autorização para a retomada das atividades presenciais nesse período por parte das autoridades estaduais. O CEE estabeleceu uma comissão relatora para orientar as instituições de ensino a buscar estratégias para este momento. O objetivo é evitar maiores prejuízos para estudantes, familiares e trabalhadores da área de educação, além de manter a continuidade dos processos de ensino.

Clique aqui para baixar o PDF.

Buscou-se, também, trabalhar meios para impedir a suspensão de calendários letivos, reprovações, abandono e evasão escolar. A escolha pelo retorno às atividades presenciais, no entanto, permanece nas mãos das instituições de ensino. Nesta sexta-feira, 24, o governador Camilo Santana (PT) determinou que escolas permanecerão fechadas durante a próxima fase da reabertura.

O Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Ceará (Sinepe-CE) tem defendido retornos diferenciados para as redes pública e particular de ensino. A Defensoria Pública do Estado, por sua vez, entende que o retorno nas redes pública e particular deve ser simultâneo, para garantir igualdade aos estudantes da rede pública, sobretudo aos alunos do terceiro ano do ensino médio, em fase pré-Enem.