PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Com chuvas em pelo menos 125 municípios, Ceará tem 5 açudes sangrando

Segundo a Cogerh, o açude Itaúna começou a sangrar. Acaraú Mirim, Quandú, Germinal e Tijuquinha também estão acima de 100% de sua capacidade

Marcela Tosi
15:23 | 20/02/2020

Vinte dias após o início da quadra chuvosa, cinco dos 155 açudes monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) estão sagrando. De acordo com o órgão, o reservatório Itaúna, no município de Granja, é o mais recente a ultrapassar 100% de sua capacidade. Ainda segundo a resenha publicada nesta quinta-feira, 20, foram registrados aportes em 84 açudes, totalizando 30,3 bilhões de litros acumulados nas últimas 24 horas.

De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), das 7 horas de ontem às 7 horas desta quinta-feira, 20, choveu em pelo menos 125 municípios do Ceará. Os maiores acumulados foram registrados em postos de Novo Oriente, com 101.0 mm, Ipu, com 98 mm, e Moraújo e Choró, com 81.0 mm.

Em 18 dias, chuvas no Ceará atingem média histórica para fevereiro inteiro 

Volume de água nos açudes cearenses está 40% maior do que o mesmo período do ano passado 

Entenda onde precisa chover para que grandes açudes encham

Este aporte permitiu que os açudes Cedro e Santo Antônio deixassem o volume morto e saíssem da lista de outros 29 que ainda seguem nesta situação. Ao mesmo tempo, sete açudes - além de Germinal, Tijuquinha, Acaraú Mirim, Quandú e Itaúna que sagram - têm volumes acima dos 90%. Atualmente, o volume acumulado em todo o sistema hídrico cearense é de 15,21% da capacidade total.

Entretanto, 90 açudes seguem com volume abaixo de 30%. O alerta vermelho é mais severo nos principais reservatórios cearenses. O Castanhão, maior em capacidade no Estado, está com 2,4% de seu potencial hidrológico cheio. Orós e Banabuiú completam a lista preocupante, com 4,72% e 6,04%, respectivamente.