PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Cerca de 10 ataques são registrados no Interior desde o último sábado

Ocorrências foram registradas nas cidades de Quixeramobim, Quixadá, Jucás, Canindé, Iguatu. Fogo em ônibus e caminhões, prédios públicos e carro de concessionária de energia incendiados após o chamado "Salve Geral", que convoca "um ataque generalizado em todo o Estado"

00:00 | 24/09/2019

Após o "Salve Geral" divulgado em grupos de Whatsapp na última sexta, 20, o Ceará registrou dez ataques em, pelo menos, cinco municípios do Interior do Estado. As cidades atingidas foram Quixeramobim, Quixadá, Jucás, Baturité, Canindé e Iguatu até a tarde desta terça, 24. O pedido convocou ataques contra empresas privadas, lojas de carros e de grandes centros, restaurantes e supermercado com o objetivo de que o governador do Estado Camilo Santana “ordene que seus proletários - agentes penitenciários - parem de maltratar nossos irmãos e amigos apenado, com procedimentos exagerado e que respeitem os direitos do preso com mais humanismo e respeito e, pare com os atos de crueldade e com o abuso de poder”, informa o aviso.

Na Cadeia Pública de Quixadá, 42 detentos foram transferidos para presídio estadual em Itaitinga na madrugada de segunda, 23. De acordo com fonte ligada à Polícia da região, o primeiro caso foi registrado em Quixeramobim na noite de sexta-feira, 20. Dois homens teriam furtado um caminhão. Um deles fugiu, enquanto que o outro foi capturado pela Polícia e levado para Quixadá. Durante a espera pelo reboque, o veículo foi alvo de outros dois criminosos. Eles atearam fogo e fugiram em seguida. Equipe do Corpo de Bombeiros conseguiu conter as chamas, mas nenhum suspeito foi localizado.

Já por volta das 2h30min do domingo, 22, homens tentaram tocar fogo em outro caminhão no bairro Carrascal II, também em Quixadá. Suspeitos teriam arremessado garrafa contendo combustível na caçamba do veículo, que chegou a incendiar. Com ajuda de pessoas que passavam pelo local, o proprietário conseguiu apagar as chamas.

Cerca de 15 minutos depois do registro, por volta das 2h45min do domingo, um posto de combustíveis localizado na avenida Estados Unidos, no bairro São João, na CE-465, sofreu tentativa de incêndio. Três homens arremessaram garrafas pet com líquido inflamável na bomba de diesel. Houve princípio de incêndio, que foi controlado por frentista da empresa. Em ambos os casos, a Polícia Militar realizou diligências, mas não obteve êxito.

De acordo com a Enel Distribuição Ceará, um carro de uma de suas prestadoras de serviço foi incendiado na noite desse domingo, também em Quixadá. Outros dois veículos da empresa foram alvos de ações criminosas, nesta segunda, em Fortaleza. “A distribuidora acrescenta que o atendimento aos serviços emergenciais está sendo realizado normalmente e que repudia qualquer ato de violência”, comunicou a Enel, por nota.

Os ataques prosseguiram também em outras cidades. Dois ônibus foram incendiados em Canindé na madrugada desta terça, 24. Os veículos estavam estacionados há alguns dias no pátio de um posto de gasolina, no bairro Palestina, quando dois adolescentes, de 16 anos, atearam fogo nos veículos por volta das 3h30min. Segundo um policial militar que pediu para não ser identificado, um dos jovens se feriu e foi levado ao Instituto José Frota (IJF), em Fortaleza. O outro jovem foi apreendido. O Corpo de Bombeiros foi acionado e conseguiu conter o incêndio. Os veículos, no entanto, ficaram destruídos.

Na cidade de Baturité, a 93,4 quilômetros de Fortaleza, homens tentaram atear fogo, na madrugada desta terça no posto de gasolina Dom Bosco. Segundo o delegado plantonista da Delegacia Regional da cidade, um homem passava na hora, verificou que a bomba estava com princípio de incêndio, tentou conter o fogo e acionou o Corpo de Bombeiros.

Já no município de Jucás, a 395 quilômetros da Capital, dois ônibus escolares, uma caçamba e um caminhão de lixo foram foram queimados. Até às 16 horas desta terça, ninguém havia sido preso.