Advogada é presa por trocar bilhetes com presos com informações de tráfico de drogas no Cariri

A advogada possui um escritório de advocacia no centro de Barbalha, região do Cariri. A mulher foi solta na sexta-feira, 7, em audiência de custódia

Uma advogada foi presa na Unidade Prisional Regional do Cariri, na última quinta-feira, 6. De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), a advogada Ana Vitória Garcia Leite Fernandes foi flagrada trocando bilhetes com dois presos na unidade que são filiados a organização criminosa Guardiões do Estado (GDE). Ela foi solta nessa sexta-feira, 7, em audiência de custódia.

De acordo com a SAP, as mensagens escritas no bilhete possuem referências ao comércio da droga em cidades do Cariri e a divisão de dinheiro oriundo do crime de tráfico. Os internos da unidade prisional foram identificados como João Marcelo Lopes de Oliveira e Cícero Feitosa da Silva.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Os bilhetes que foram apreendidos com a advogada foram incluídos no Inquérito Policial dos presos que respondem na Justiça por organização criminosa e tráfico de drogas. Eles agora também serão responsabilizados administrativamente e investigados pelas autoridades policiais.

O repórter Yago Pontes da rádio O POVO CBN Cariri informou que a advogada foi conduzida à 20ª Delegacia de Polícia Civil, onde foi autuada em flagrante diante de acusações de organização e associação ao tráfico.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

facções criminosas

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar