Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Na Bahia, menino é atingido por fogos de artifício no rosto e perde 11 dentes

Acidente aconteceu enquanto o garoto assistia a uma queima de fogos, conhecida como "guerra de espadas", na cidade de Cruz das Almas, no Recôncavo Baiano, nessa segunda-feira, 13

Um menino de 11 anos, identificado como Alex Ribeiro Costa, ficou gravemente ferido no rosto após ser atingido por fogos de artifício, comumente conhecidos naquela região como "espadas". O acidente aconteceu na cidade de Cruz das Almas, no Recôncavo Baiano, nessa segunda-feira, 13, local em que a "guerra de espadas" é uma tradição, mesmo estando proibida desde 2011.

O menino perdeu 11 dentes e segue internado nesta terça-feira, 14, no Hospital Estadual da Criança, em Feira de Santana, a 50 km de Cruz das Almas. Após o acidente, ele foi levado a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas precisou ser transferido para a outra unidade em decorrência da gravidade dos ferimentos.

O padastro do menino, Josenildo Oliveira da Silva, informou ao G1 Bahia que Alex não tem o hábito de "soltar espadas", mas foi atingido enquanto assistia à queima de fogos pela primeira vez.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"Ele fez uma cirurgia na boca e perdeu 11 dentes. Agora, ele vai fazer a cirurgia do maxilar. O médico disse que ele está bem, está sedado. Estão aguardando ele desinchar um pouco para fazer a cirurgia da boca”, explicou.

O estado de Alex, conforme informações da Secretaria Municipal de Saúde de Cruz das Almas, é estável. Ele está sob tutela do Conselho Tutelar, uma vez que a família vive em situação de vulnerabilidade social.

Além da "guerra de espadas" ser uma atividade proibida em Cruz das Almas desde 2011, a legislação estadual prevê que fabricar, possuir e soltar fogos de artifício é crime, com pena de até seis anos de prisão.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar