PUBLICIDADE
Brasil
Noticia

Jovem de 18 anos passa mal durante noite de núpcias e morre horas depois

A Polícia Militar informou que a jovem sentiu falta de ar enquanto mantinha relações sexuais com o marido, chegou a ser atendida pelo Samu, mas não resistiu

15:40 | 11/06/2021
 Ambulância teria demorado mais de uma hora para chegar à casa da mulher e do marido (imagem ilustrativa) (Foto: Getty Images)
Ambulância teria demorado mais de uma hora para chegar à casa da mulher e do marido (imagem ilustrativa) (Foto: Getty Images)

Na noite desta quinta-feira, 10, uma jovem de 18 anos morreu após passar mal durante a noite de núpcias, em Ibirité, localizada na região metropolitana de Belo Horizonte. Segundo o marido da vítima, ela teria se queixado de falta de ar enquanto mantinham relações sexuais.

LEIA MAIS l Sem tripulantes, lancha que sumiu de Noronha pode chegar ao Ceará; entenda + Polícia ouve parentes de jovem grávida morta no Rio

De acordo com o G1 Belo Horizonte, o homem teria pedido ajuda aos vizinhos, que decidiram chamar um transporte por aplicativo para levar a jovem até o hospital. O motorista, porém, recusou-se a fazer a corrida, sendo necessário solicitar o serviço pela segunda vez.

Quando o segundo motorista chegou, vendo que a jovem se encontrava desmaiada, aconselhou que seria melhor acionar o Serviço de Atendimento de Urgência (Samu). O médico da ambulância constatou que a mulher estava sofrendo uma parada cardio-respiratória, sendo necessário intubar a paciente, que morreu minutos depois no local. Não havia indícios de violência.

Segundo informações, a ambulância teria demorado mais de uma hora para chegar à casa deles, localizada no bairro Serra Dourada. Por meio de nota concedida ao G1, a Secretaria Municipal de Saúde de Contagem, responsável pelo atendimento na cidade de Ibirité, disse que a solicitação entrou na Central de Regulação do Samu às 19h32.

"Durante a triagem médica, a solicitante cancelou o chamado informando que iriam encaminhar por meios próprios. Às 19h45 ligaram novamente passando mais informações e foi enviada uma Unidade do SAMU que chegou ao local em 21 minutos. Tempo para paramentação devido aos sintomas respiratórios relatados pela solicitante do socorro - falta de ar intensa, histórico de bronquite. O atendimento foi realizado por duas unidades, no entanto, a vítima evoluiu para o óbito", disse a nota.

O corpo da jovem teria sido encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), em Betim, na Grande BH.