PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Cachorro enterrado vivo após assalto ficou 20 horas embaixo da terra

Animal foi encontrado à 100 metros da casa, com o rabo machucado

15:00 | 12/02/2021
O cachorro foi encontrado após a ajuda de amigos e familiares dos donos (Foto: Reprodução: Facebook)
O cachorro foi encontrado após a ajuda de amigos e familiares dos donos (Foto: Reprodução: Facebook)

Hatch foi enterrado vivo após assaltantes invadiram um sítio em Guareí (SP) e retirarem materiais eletrônicos do local. O dono do local, Eduardo Delfino de Oliveira, explicou que o animal ficou cerca de 20 horas com metade do corpo embaixo da terra. As informações são do G1.

O Husky Siberiano foi encontrado pelo cunhado de Eduardo, Aníbal Mateo, que também foi o primeiro a chegar na casa após a invasão e perceber o assalto. "Se queriam levar as coisas, que levassem, mas não tinha necessidade de fazer essa crueldade com ele", disse. Hatch foi encontrado enterrado a 100 metros da casa.

Pelo tamanho e peso do animal, Eduardo acredita que ele pode ter sido dopado pelos criminosos antes de ter sido colocado debaixo da terra. "Eu até agora não me preocupei com os bens materiais. Tudo bem que terei que arcar com os custos do que foi levado, mas meu cachorro convive comigo há 10 anos. É um sentimento de revolta por não entender porque o ser humano faz um negócio como esse", complementou o dono.

A veterinária que atendeu o animal após a retirada contou que Husky se recupera bem, mas chegou a correr risco de perder o rabo. "De um modo geral ele está bem (...).Talvez ele tenha ficado sentado em cima do rabo enquanto estava preso no buraco e isso comprometeu bastante a circulação. Conseguimos examinar pelo raio x na tarde desta quinta. Pelo que foi mostrado no exame a cauda dele não teve outro comprometimento", afirmou.

Leia Mais - Cachorro é enterrado vivo por assaltantes em São Paulo