PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Casal de 22 anos revela ser criador do Sleeping Giants Brasil

Jovens que saíram do anonimato são estudantes de Direito e moram no interior do Paraná

20:21 | 13/12/2020

A identidade de quem está por trás do Sleeping Giants Brasil (SGB) foi revelada neste domingo, 13. Em entrevista à Folha de S.Paulo, Leonardo de Carvalho Leal e Mayara Stelle, de 22 anos, assumiram a autoria do perfil que desmonetiza empresas propagadoras de fake news.

O casal criador é de Ponta Grossa, interior do Paraná, ambos estudam Direito na faculdade federal da cidade. Antes da pandemia, Leonardo era motorista de Uber e Mayara vendia maquiagens. Hoje, vivem de auxílio emergencial e afirmam que não recebem nada pelo trabalho.

Criado há 7 meses, o Sleeping Giants Brasil atua no Twitter e no Instagram. Eles calculam ter retirado de três sites de notícias e dois canais o valor equivalente a R$1,5 milhão em anúncios. De acordo com os criadores, 700 empresas já seguiram seus alertas e retiraram os anúncios de sites duvidosos.

O SGB, que conta com mais de 410 mil seguidores no Twitter e 170 mil no Instagram, é assessorado gratuitamente pela Rede Liberdade, grupo de advogados e jornalistas com atuação em casos de violação de direitos e liberdade de expressão.

A origem do Sleeping Giants foi em 2016 nos Estados Unidos, desmonetizando o site de extrema direita de Steve Bannon, chefe da campanha de Donald Trump. No Brasil, Mayara reafirmou que o projeto não tem motivação política.

“A gente não olha se o site é de esquerda ou de direita. Infelizmente, sabemos que o discurso de ódio está presente em todos os espectros políticos. O que acontece é que, nesse momento, não dá para negar que a extrema direita tem um alcance de desinformação muito maior que a esquerda”, disse em entrevista à Folha.