PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Após ameaças de grupos antidemocráticos, governador de Brasília decide fechar a Esplanada dos Ministérios

Ibaneis Rocha já havia fechado a Esplanada no último domingo, 14

14:57 | 16/06/2020
O acesso à Esplanada dos Ministérios será fechado hoje e amanhã (Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil)
O acesso à Esplanada dos Ministérios será fechado hoje e amanhã (Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil)

O governador de Brasília (DF)  Ibaneis Rocha decretou na tarde desta terça-feira, 16, o fechamento da Esplanada dos Ministérios para fluxo de veículos e pedestres. O político justificou a medida ao considerar aglomerações verificadas na região nos últimos dias e ameaças declaradas por "alguns manifestantes aos Poderes constituídos" e "ameças de manifestações com anticonstituicionais". Ameaças dirigidas à Cúria Metropolitana de Brasília também estão dentre os motivos para a atribuição feita hoje.

Entre hoje e as 23h59min desta  quarta-feira, 17 de junho, o trânsito na região só será permitido para autoridades devidamente identificadas. O descumprimento das medidas previstas no Decreto pode acarretar pena de multa e demais sanções administrativas e penais, nos termos previstos por lei.

Ibaneis Rocha já havia fechado a Esplanada no último domingo, 14. Segundo informações do jornal O Globo, a medida foi publicada no último sábado, 13, após a Polícia Militar desmontar um acampamento de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro instalado desde maio na Esplanada. O grupo também tentou invadir o Congresso Nacional.