PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Ana Lúcia Torre: o ser humano tem que ter respeito

13:14 | 02/07/2019

Aos 74 anos de idade e dezenas de atuações no teatro, na TV e no cinema, a atriz Ana Lúcia Torre afirmou que respeitar as pessoas é um princípio de vida e pediu que os artistas tenham noção da influência que suas declarações provocam.

“Ele (o artista) tem que ter a consciência do que diz, de como diz e do que ele quer dizer com aquilo. Porque é muito sério. Você mexe diretamente com a emoção das pessoas”, alertou Ana Lúcia em entrevista à jornalista Roseann Kennedy, no programa Impressões, que vai ao ar na TV Brasil, nesta terça (02).

Ana Lúcia Torre disse não ter dúvidas de que o trabalho de ator é um transformador de vidas. “O que a gente quer é impacto para a pessoa refletir. Se num espetáculo inteiro, de plateia de 200, 500 pessoas, você toca uma, é uma benção”, contou. A atriz ressaltou, ainda, que independentemente do tamanho do público ou da equipe de trabalho é guiada sempre pela disciplina e consideração a todos. 

“Em princípio, eu acho que o ser humano tem que ter respeito. Não é porque tem cem pessoas me esperando. É porque, se tivesse uma, teria que ser a mesma coisa. Eu fui criada assim”, disse, contando que na infância, quando comia um pãozinho no café da manhã dizendo “que delícia!”, sua mãe de imediato respondia: “Isso é possível porque o padeiro chegou às três horas da manhã para fazer esse pãozinho pra você”.

Ana observa que é de uma geração que seguia as orientações do diretor sem questionamentos. “O diretor diz senta no chão e aí você senta. Se eu contesto começa o conflito e é preciso ser disciplinado”, ensinou a atriz que também não concorda com a ideia de celebridade propagada no momento.

“O que é uma celebridade? Pra mim, não sei. Celebridade, por exemplo, é Einstein, é Madre Tereza de Calcutá. Porque a dedicação que você tem pra fazer esse tipo de trabalho, você tem que pinçar as pessoas no meio da humanidade. O ator, se você tem um pequeno talento e muita paixão, você se esforça e consegue realizar aquilo”, analisa.

A atriz, que acaba de fazer três novelas seguidas e, em agosto, inicia mais uma turnê nacional, desta vez com a peça ‘Num Lago Dourado’, diz que seu principal papel no momento, porém, é o de “filha que cuida de uma mãe de 94 anos”. Ana Lúcia faz questão de levar uma vida normal, longe dos holofotes. “Vou à feira, vou ao mercado, ando muito de metrô. Sou avó, sou mãe, cuido da casa”

Na entrevista à TV Brasil, Ana Lúcia Torre também conta histórias de sua trajetória artística, revela quais trabalhos foram mais significativos em sua vida e de onde vem tanta energia.

Serviço:

Programa Impressões - TV Brasil

Terça (25), às 23h

Sábado (29), às 20h30

Domingo (30), às 23h30 

Agência Brasil