PUBLICIDADE
Olimpíadas
NOTÍCIA

"Baile de favela" e show na Olimpíada: Rebeca Andrade disputará três finais em Tóquio

Ela disputará três finais: salto, solo e individual geral - nesta última teve a segunda maior pontuação, ficando atrás apenas da estrela máxima do esporte, Simone Biles

Lucas Mota
10:51 | 25/07/2021
Rebeca Andrade brilhou nas apresentações classificatórias da Olimpíada de Tóquio (Foto: Lionel BONAVENTURE / AFP)
Rebeca Andrade brilhou nas apresentações classificatórias da Olimpíada de Tóquio (Foto: Lionel BONAVENTURE / AFP)

A ginasta brasileira Rebeca Andrade brilhou nas apresentações na manhã deste domingo, 25 (horário de Fortaleza), na Olimpíada de Tóquio. Ela disputará três finais: salto, solo e individual geral - nesta última, a atleta teve a segunda maior pontuação, ficando atrás apenas da estrela da equipe dos Estados Unidos, Simone Biles. O Brasil terá ainda Flavinha na decisão da trave.

+ "Enquanto você dormia dia 2": primeiras medalhas do Brasil, 100% no vôlei e no surfe e recorde

No solo, Rebeca teve apresentação de destaque ao som de "Baile de Favela". Atuação sólida que rendeu a nota 14.066 e o quarto lugar, ficando atrás das norte-americanas Jade Carey (14.100) e Simone Biles (14.133) e da italiana Vanessa Ferrari (14.166).

A brasileira brilhou no salto e teve a terceira maior nota, com 15.100. Em primeiro e segundo, as norte-americanas Simone Biles (15.183) e Jade Carey (15.166).

No individual geral, Rebeca somou 57.399 com as apresentações no salto, solo, na trave e nas barras assimétricas, colada na estrela da modalidade, Simone Biles, que atingiu 57.731. Para entender sobre o tamanho da norte-americana: ela tem 24 anos, é candidata a principal atleta dos Jogos Olímpicos de Tóquio, pentacampeã mundial no individual geral e no solo, tetracampeã por equipes, tricampeã na trave, bicampeã no salto e colecionou quatro medalhas de ouro e uma de bronze na Rio-2106.