PUBLICIDADE
Olimpíadas
NOTÍCIA

Tóquio 2020: No Surfe, Ítalo Ferreira vence a 1ª bateria da história das Olimpíadas

O nordestino superou as adversidades apresentadas pelo mar japonês, que sofre com a proximidade de um tufão. Ele se classificou para as oitavas de final

Wanderson Trindade
20:07 | 24/07/2021
O brasileiro Ítalo Ferreira rema durante um treino livre na Praia de Surf de Tsurigasaki, em Chiba, no dia 23 de julho de 2021 durante os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020
 (Foto: Olivier Morin / Pool / AFP)
O brasileiro Ítalo Ferreira rema durante um treino livre na Praia de Surf de Tsurigasaki, em Chiba, no dia 23 de julho de 2021 durante os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 (Foto: Olivier Morin / Pool / AFP)

Ítalo Ferreira fez história logo neste sábado, 24, ao ganhar a primeira bateria do surfe na história das Olimpíadas. Neste sábado, 24, o brasileiro se classificou em primeiro lugar na primeira fase das disputas em Tóquio 2020 e se classificou para as oitavas de final.

O feito foi alcançado depois de conseguir ondas de 7.00 e 5.90, na onda de Tsurigasaki, na cidade de Ichinomiya, distante 100 quilômetros da capital japonesa. Ele foi acompanhado pelo japonês Hiroto Ohhara, que ficou em segundo lugar, e pelo italiano Leonardo Fioravanti, que vai para a repescagem.

O nordestino nascido no Rio Grande do Norte superou as adversidades apresentadas pelo mar japonês, que sofre com a proximidade de um tufão.

"Estava ansioso para essa estreia, mas depois que caí no mar e peguei a minha onda a coisa fluiu. Hoje o mar estava meio difícil, mas eu treinei bastante e o atleta tem que estar preparado para tudo. A tendência é que o mar melhore um pouco amanhã e eu espero aproveitar da melhor forma", declarou ele após a vitória.