PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Conmebol busca evitar transmissão pirata de jogos na América do Sul

Entidade divulgou que vai trabalhar para não existir pirataria nas transmissões de Libertadores, Copa Sul-Americana, Recopa e Copa América

17:59 | 03/02/2020
Confira os dois potes do sorteio da Copa Sul-Americana
Confira os dois potes do sorteio da Copa Sul-Americana (Foto: Conmebol/Divulgação)

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) promete intensificar o combate á pirataria da transmissão das partidas dos torneios que organiza pelo continente. Nesta segunda-feira, a entidade divulgou o investimento na divisão de Serviços de detecção cibernética de pirataria online.

A solução monitorará todas as partidas e tem como objetivo combater a redistribuição pirata online, uma das maiores ameaças aos proprietários de conteúdos, emissoras retransmissoras e operadoras.

Esse trabalho será integrado nas principais competições Sul-Americanas: Copa Libertadores da América, Copa Sul-Americana, Recopa e Copa América.

Segundo a Conmebol, a pirataria foi utilizada, em streaming ilegais, por cerca de 4,2 milhões de pessoas para acompanhar os jogos da fase de grupos da Copa do Mundo da Rússia, em 2018. Além disso, a luta de boxe entre Floyd Mayweather e Conor McGregor atingiu 2,9 milhões de espectadores em meios de comunicação ilegais.