PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Diretor de Futebol do Fortaleza explica saída de Paulão: "Pedida salarial desproporcional"

A diretoria tricolor e o defensor não chegaram a acordo salarial

Lucas Mota
14:32 | 15/03/2021
Paulão deixa o Fortaleza após 61 partidas pelo clube (Foto: AURÉLIO ALVES)
Paulão deixa o Fortaleza após 61 partidas pelo clube (Foto: AURÉLIO ALVES)

O novo diretor de Futebol do Fortaleza, Alex Santiago, participou do programa Futebol do Povo nesta segunda-feira, 15, e comentou sobre a saída do zagueiro Paulão, que não renovou com o clube. A diretoria tricolor e o defensor não chegaram a acordo salarial.

"O Paulão é um atleta de 35 anos, de uma posição específica no mercado cuja a preferência orçamentária não é a prioritária. Fez uma pedida salarial absolutamente desproporcional em relação ao mercado", afirmou o dirigente.

O zagueiro encerrou a passagem pelo Fortaleza após duas temporadas, 2019 e 2020, no clube. Ao todo, foram 61 jogos com a camisa do Leão e três gols marcados. Ele foi campeão Cearense e peça importante na jornada da equipe no ano passado.

Nas redes sociais, o defensor se despediu do clube e explicou a saída. "Me despeço por circunstâncias que me fizeram refletir sobre a importância do meu trabalho. Houve, de minha parte, o completo interesse na permanência por mais duas temporadas. No entanto, a negociação não avançou e não ocorreu a renovação, que seria a primeira nos moldes estabelecidos numa negociação um pouco diferente das que eu já tive em todos os demais clubes onde trabalhei. Todo profissional gosta de ser valorizado e em nenhum momento solicitei algo inviável ao clube ou busquei ser um peso financeiro desproporcional ao Fortaleza", comentou.