PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Conheça Matheus Vargas, meia que deve fechar com Fortaleza

Atleta ajuda na marcação, não some da partida e ainda dá opção de finalização

Gerson Barbosa
18:49 | 04/09/2019
Jogador depende apenas da rescisão com a Ponte para fechar com o Tricolor
Jogador depende apenas da rescisão com a Ponte para fechar com o Tricolor (Foto: Divulgação/Ponte Preta)

Precisando de mais um meio-campista, o Fortaleza parece ter encontrado em Matheus Vargas. O atleta deve fechar com o Leão até 2021 e está aguardando apenas a rescisão contratual com a Ponte Preta para assinar com o Tricolor. O Esportes O POVO, portanto, traz um perfil para o torcedor ficar por dentro de como atua o jogador.

Matheus tem 23 anos e está no elenco da Ponte Preta desde o ano passado, quando acabou virando titular com o treinador Gilson Kleina na arrancada da Série B. Com Jorginho foi titular absoluto, mas nas duas últimas partidas ficou como opção no banco depois da recuperação de Rafael Longuine.

Segundo o jornalista André Esmeriz, do Futebol do Interior, Matheus Vargas estava em baixa com a torcida. "Vinha sendo bastante criticado, apesar de ter marcado o gol sobre o Guarani no dérbi realizado pela Série B. Em alguns jogos ele é meio disperso e às vezes abusada individualidade, mas tem bom toque de bola", revela ao Esportes O POVO

Quanto ao estilo de jogo, Vargas atua como articulador. Na Ponte, ele era o camisa 10, mas não chega a ser o meia clássico, de toque refinado e até mesmo que possa cadenciar a partida. "É um meia de mais chegada na área, chegando de trás para finalizar. Já fez gol e perdeu também fazendo isso. Não é aquele atleta de drible, tanto que a torcida pegava no pé dele quando tentava fazer as jogadas individuais e na maioria das vezes perdia a bola", declara André.

Em resumo, Matheus Vargas não é cadenciador e controlador de partida como Dodô na Série B do ano passado, mas pode participar ativamente de um esquema que prioriza a posse de bola. Além disso, o meia ajudava bastante na marcação, que é uma característica fundamental do Fortaleza em 2019. Ele costuma pisar na área e ser mais uma opção de finalização. Vargas também não costuma sumir do jogo, ainda que erre o que tentar.

OUÇA O NOVO EPISÓDIO DO FUTCAST:

Listen to "#70 - Derley e o dia que enfrentou Messi: "não sabia se jogava ou ficava olhando para os caras"" on Spreaker.