PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Ederson já treina fisicamente, revela ansiedade para jogar e acredita que se encaixa bem no 4-2-4 de Ceni

Jogador iniciou fase de fortalecimento muscular após quatro meses da cirurgia de reconstituição do ligamento do joelho esquerdo e ainda tem protocolo a cumprir

19:22 | 09/08/2019
Ederson tem previsão para voltar a jogar em outubro
Ederson tem previsão para voltar a jogar em outubro (Foto: Divulgação/Fortaleza)

Fora dos gramados desde a semifinal do campeonato cearense, quando rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, o atacante Ederson apareceu correndo em um dos campos do CT Ribamar Bezerra nesta semana. A dois meses do prazo estipulado para recuperação total da cirurgia de reconstituição do ligamento, o jogador começou a fazer fortalecimento muscular.

"O ligamento já está bem fixado e agora estou trabalhando a parte física, de mobilidade, de reforço muscular. Tenho que ter força novamente (para voltar a jogar) e isso a gente vai conquistando com o tempo", descreveu a situação em que se encontra, Ederson, frisando, no entanto, que precisará cumprir o protocolo de seis meses.

Isso significa que o retorno dele mesmo deve acontecer somente no mês de outubro. Até lá, Ederson ficará apenas na torcida pelo time, mas não esconde o desejo de voltar a vestir a camisa tricolor. “Fico ansioso para estar em campo novamente, ajudando minha equipe, mas tem que esperar o tempo”, disse.

O atacante avalia como positiva a campanha do Fortaleza na Série A do Brasileiro até o momento, mesmo com as duas últimas derrotas. Ele defende que o time está ficando encorpado e diz que pretende ajudar a equipe a conquistar vitórias quando voltar a jogar.

Ederson acredita que se encaixa bem no atual esquema tático utilizado por Rogério Ceni, com quatro atacantes, mas ressalta que parte atrás dos homens de frente que já estão à disposição. "Eu sempre trabalhei com o Rogério dando a opção de estar centralizado ou de segundo atacante, acho qe se ele optar por me colocar quando eu voltar a jogar, consigo me encaixar sem problema nenhum, mas sabendo que o pessoal que está jogando está num ritmo bem a frente do meu. Terei que buscar meu espaço", disse.

 

Brenno Rebouças