Participamos do

Novo técnico do Flamengo, Paulo Sousa desembarca no Rio de Janeiro

O comandante de 51 anos chega ao Rubro-negro com contrato de duas temporadas
09:48 | Jan. 07, 2022
Autor Gazeta Esportiva
Foto do autor
Gazeta Esportiva Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Na manhã desta sexta-feira, 7, Paulo Sousa, o novo técnico do Flamengo, desembarcou em solo carioca e se prepara para assumir o clube. O comandante de 51 anos chega ao Rubro-negro com contrato de duas temporadas.

À FlaTV, que acompanhou a chegada do treinador, Paulo Sousa mostrou entusiasmo para começar os trabalhos frente ao Flamengo. "Cheguei, finalmente. Bastante entusiasmado poder estar perto de vocês da torcida, e em conjunto poder os unir cada vez mais nesta causa maravilhosa que é o Flamengo", declarou.

O técnico será apresentado oficialmente apenas na segunda-feira (10), mas a previsão é a de que conheça o Centro de Treinamentos ainda nesta sexta.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Além de Paulo Sousa, a nova comissão será formada pelos auxiliares técnicos Manuel Cordeiro e Victor Sanchez, os preparadores António Gomez e Lluis Sala, o analista Cosimo Cappagli, e o treinador de goleiros Paulo Grilo.

Quem é Paulo Sousa, novo técnico do Flamengo?

Antes de iniciar a trajetória como treinador, Paulo Sousa teve uma carreira de sucesso como jogador profissional. Meio-campista, passou por clubes como Benfica-POR, Sporting-POR, Juventus-ITA e Borussia Dortmund-ALE. Nestes dois últimos times, inclusive, conquistou o título da Liga dos Campeões, em 1996 e 1997 — além do título mundial de clubes sobre o Cruzeiro-MG —, respectivamente.

Peça importante da seleção portuguesa, também atuou no Inter de Milão-ITA — onde foi companheiro de Ronaldo Fenômeno —, Parma-ITA e no Espanyol-ESP, onde encerrou a carreira como atleta em 2002. Após três anos, em 2005, Paulo Sousa começou os trabalhos como treinador comandando a seleção sub-16 de Portugal, assim como a sub-17, sub-18 e sub-19.

Um fato curioso é que Paulo Sousa foi o auxiliar técnico do brasileiro Luiz Felipe Scolari na seleção portuguesa em 2006, quando participou da disputa da Copa do Mundo, realizada na Alemanha. Esta experiência abriu portas para o comandante em 2008, que ganhou oportunidade na segunda divisão da Inglaterra, com passagens pelo Park Rangers, Swansea e Leicester.

O português seguiu carreira no Videoton FC, da Hungria, equipe pela qual venceu os primeiros títulos. Também passou pelo Maccabi Tel Aviv, de Israel, onde conquistou o campeonato nacional, assim como no Basel, da Suíça. Antes de se tornar treinador da Polônia, teve passagens pela Fiorentina-ITA, Tianjin Tianhai-CHI e Bordeaux-FRA.

Em janeiro de 2021, Paulo Sousa foi convidado para assumir a seleção polonesa com a Eurocopa como principal competição do ano. Apesar de ter Robert Lewandowski como principal estrela, a campanha foi frustrante. No grupo E, composto por Espanha, Eslováquia e Suécia, a Polônia não venceu nenhum confronto e amargou a lanterna da chave. Para se classificar à Copa do Mundo de 2022, a Polônia terá de disputar a repescagem.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags