PUBLICIDADE
Cearenses
NOTÍCIA

Pela Série D, em partidas fora de casa, Floresta e Guarany empatam

A igualdade no placar com o Atlético-PB classificou o clube da Vila Manoel Sátiro à próxima fase da competição, enquanto o rubro-negro sobralense tem cenário improvável de avanço após empatar com o Campinense-PB

Gabriel Lopes
18:23 | 13/11/2020
Empate garantiu o Floresta na segunda fase
 (Foto: Ronaldo Oliveira/Floresta EC)
Empate garantiu o Floresta na segunda fase (Foto: Ronaldo Oliveira/Floresta EC)

A Série D está na reta final da primeira fase. Pela 12ª rodada, a antepenúltima, os cearenses Floresta e Guarany de Sobral empataram as respectivas partidas, ambas fora de casa, nesta sexta-feira, 13, e segue em situações quase opostas na tabela. O time da Vila Manoel Sátiro empatou por 2 a 2 com o Atlético de Cajazeiras-PB, no estádio Perpetão. Já o clube sobralense ficou na igualdade em 1 a 1 com o Campinense-PB, no estádio Amigão. Com isso, o time da Capital garantiu classificação, enquanto o do Interior está praticamente eliminado.

Com o ponto somado, o Floresta foi a 21 pontos, sete a mais que o quinto colocado, o Globo-RN, restando seis pontos em disputa nas últimas duas rodadas. A classificação veio de maneira heroica. Os paraibanos abriram vantagem de dois gols com Pachu, que balançou as redes aos 22 minutos do primeiro tempo e aos 11 da etapa final.

Após os gols marcados, houve uma expulsão para cada lado. Entretanto, quando tudo se encaminhava para derrota dos cearenses, veio o empate. Aos 42 minutos do segundo tempo, Núbio Flávio diminuiu a diferença no placar e aos 46, Veraldo sacramentou a classificação.

Em Campina Grande, na Paraíba, o Guarany-S saiu na frente logo aos quatro minutos, com Esquerdinha, que converteu pênalti. Porém, aos nove, também por meio de penalidade, os donos da casa empataram, com Echeverría. Apesar das tentativas dos dois lados, os goleiros estiveram muito bem na partida e evitaram mais bolas na rede no confronto.

Dessa forma, o time sobralense se manteve na lanterna do Grupo A-3, com dez pontos, quatro atrás do Campinense, primeiro clube no G-4. Restando duas rodadas para o fim da primeira fase, o Guarany tem de vencer os dois jogos e ainda depende de combinação de resultados para avançar.

Para avançar, o Guarany precisa, além dos seis pontos sobre Globo e Salgueiro-PE, que o Campinense não vença nenhuma das partidas; que o Atlético-PE não derrote o Salgueiro; que Globo e Atlético-PB fiquem no empate e que o Afogados-PE não triunfe nas duas partidas.