PUBLICIDADE
Cearenses
NOTÍCIA

Torcedores denunciam que estão sendo barrados nos estádios cearenses por levarem material antifascista

Representantes das três principais torcidas antifascistas do futebol cearense participaram do debate no programa "Revista O POVO" nesta terça-feira

18:30 | 04/02/2020
Atuação das torcidas antifascistas não se resume aos estádios, contando com ações nas ruas e nas redes sociais.
Atuação das torcidas antifascistas não se resume aos estádios, contando com ações nas ruas e nas redes sociais. (Foto: Arquivo Pessoal)

O lado social/político da atuação das torcidas dos times cearenses foi uma das pautas de destaque na programação da rádio O POVO/CBN nesta terça-feira, 4. Representantes das três principais torcidas antifascistas do futebol cearense foram convidados para um debate no programa Revista O POVO. Participaram do debate Joaquim Sobreira, da Vozão Antifa (do Ceará), Leonardo Carneiro, da Resistência Coral, do Ferroviário, e Bantim Júnior, da Resistência Tricolor (do Fortaleza).

O principal tema discutido foi a denúncia dos representantes das torcidas locais que alegam estarem sendo barradas pela Polícia ao ingressarem nos estádios, por usarem camisas e faixas com mensagens políticas, de combate ao fascismo. O motivo, segundo relatam os torcedores, é que as mensagens que eles estampavam poderiam “incitar a violência”.

O debate no “Revista O POVO” foi conduzido pela apresentadora Maísa Vasconcelos e contou ainda com a participação do jornalista Bruno Balacó.

Acompanhe o debate:


Listen to "Torcidas antifascistas estado do Ceará denunciam ações de policiais militares" on Spreaker.

VEJA TAMBÉM:Conheça as torcidas antifascistas de Ceará, Fortaleza e Ferroviário