PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Com futuro de Ricardo Bueno indefinido, Ceará ainda não recebeu proposta oficial pelo atacante

Centroavante tomará decisão durante a pausa na Copa América. Atleta não foi relacionado para os dois últimos jogos para não completar 7ª partida

19:00 | 13/06/2019
Ricardo Bueno já fez 6 gols pelo Ceará na Série A
Ricardo Bueno já fez 6 gols pelo Ceará na Série A(Foto: Júlio Caesar/O POVO)

O atacante Ricardo Bueno segue com vínculo contratual com o Ceará. Entretanto, o jogador tem futuro indefinido após não ser relacionado para dois jogos seguidos para não completar a 7ª partida e inviabilizar uma transferência para outro clube da Série A. Por enquanto, o Alvinegro do Porangabuçu não recebeu nenhuma proposta oficial pelo atleta.

A definição sobre o destino do centroavante deve ocorrer em breve, durante a pausa do Campeonato Brasileiro para a realização da Copa América. Os jogos só retornam em julho.

Bueno pediu para não ser relacionado na partida contra o Bahia, na 8ª rodada da Série A, em duelo no Castelão. O atacante já atuou em seis jogos da competição, nos confrontos contra CSA, Atlético-MG, Cruzeiro, Goiás, Avaí e Santos, marcando três gols. Ele é o artilheiro do time na temporada com dez gols.

Para a peleja diante do Vasco, nesta quinta-feira, 6, na 9ª rodada da Série A, o atacante não foi relacionado novamente. Até o momento, o centroavante não se pronunciou sobre as especulações.

Após o empate diante do Bahia, o técnico Enderson Moreira deu a versão dele sobre a ausência de Bueno. O treinador explicou que quis testar o centroavante Romário.

"Eu conversei com o Bueno e falei de uma forma muito clara que queria dar uma oportunidade para o Romário. O Bergson iniciaria o jogo e minha primeira opção seria ele. Nessa conversa a gente definiu, ele entendeu, e tudo o que tem além disso é especulação", afirmou Enderson.

"Foi uma opção (não relacioná-lo) para poder ver o Romário. Especificamente, eu tive que tomar algumas decisões. Não sei se depois disso o Ricardo fez alguma escolha. Ele foi muito claro, muito correto. Um jogador que nós temos o maior respeito", completou o técnico mineiro.

VEJA MAIS | OUÇA O EPISÓDIO ESPECIAL DE UM ANO DO FUTCAST:

Listen to "#57 - Especial de um ano: os melhores momentos do podcast" on Spreaker.

Lucas Mota