PUBLICIDADE
Esportes
BATE-REBATE

Presidente do Santos sobre negociação com Felipe Jonatan: "não damos calote em ninguém"

O presidente do Santos promete pagar os R$ 6 milhões da multa rescisória de Felipe Jonatan ao Ceará até a próxima sexta-feira. O lateral-esquerdo já treina pelo Peixe há uma semana.

23:34 | 26/02/2019
Felipe Jonatan em seu primeiro treino no Santos | Foto: Ivan Storti/Santos FC
Felipe Jonatan em seu primeiro treino no Santos | Foto: Ivan Storti/Santos FC

O presidente do Santos promete pagar os R$ 6 milhões da multa rescisória de Felipe Jonatan ao Ceará até a próxima sexta-feira. O lateral-esquerdo já treina pelo Peixe há uma semana.

“Santos não dá calote em ninguém. Santos honra seus compromissos e pagará até sexta. Prazo do Felipe Jonatan é até sexta-feira, mas acredito que até amanhã… Se coloque no lugar do Ceará, pagamos pela multa e jogador precisa ir para assinar a rescisão. Vamos pagar”, disse Peres.

“Não está combinado (o prazo com o Ceará) pois pagamos pela multa e assim não há data, tem que efetuar para encerrar a negociação. Felipe faz exercícios físicos (no CT) e foi autorizado a fazer isso, Ceará sabe. Já existe contrato pronto e agora é encerrar a situação”, completou.

O Ceará, em contrapartida, notificou o Santos e esperava pelo pagamento até a noite desta terça. Com a demora, o Vozão pensa em acionar o Peixe na Justiça.

E, diferentemente da versão do presidente, Felipe Jonatan treina normalmente com bola e, inclusive, treinou como titular antes do clássico contra o Palmeiras.


GAZETA ESPORTIVA