PUBLICIDADE
Copa do Mundo

Infantino revela que Copa com 48 seleções pode acontecer já em 2022

A ideia de aumentar o número de participantes da Copa do Mundo parece estar mais próxima do que se imagina. O presidente da Fifa, Gianni Infantino revelou durante a 13ª edição da Conferencia Internacional sobre Esporte, que acontece em Dubai, que o objetivo da entidade é aplicar a mudança já em 2022. Em meio às polêmicas […]

15:00 | 02/01/2019

A ideia de aumentar o número de participantes da Copa do Mundo parece estar mais próxima do que se imagina. O presidente da Fifa, Gianni Infantino revelou durante a 13ª edição da Conferencia Internacional sobre Esporte, que acontece em Dubai, que o objetivo da entidade é aplicar a mudança já em 2022.

Em meio às polêmicas dessa mudança, inicialmente a adição de mais vagas seriam para o Mundial de 2026. mas o próprio presidente disse que se for possível, Catar já receberá o novo formato. “Se você acha que é uma coisa boa ter 48 times na Copa do Mundo, por que não tentar quatro anos antes? É por isso que estamos analisando se é possível ter 48 times já em 2022”, disse Infantino nesta quarta-feira.

No entanto, a mudança depende da possibilidade de países vizinhos de Catar receberem alguns jogos do Mundial. Isso porque o país-sede não conseguiria comportar o grande número de partidas.

Caso seja aprovada, a mudança já colocará a disposição 48 vagas para 2022. A divisão das vagas ficaria a seguinte: 16 vagas para a Europa (13 atualmente); 9,5 para a África (5); 8.5 para a Ásia (4,5), 6,5 para a América do Sul (4,5);6,5 para a América do Norte, e 6;5 para a Central e Caribe (3.5). Apenas a Oceania não teria o aumento de vagas, e continuaria a depender da repescagem.

Gazeta Esportiva

Recomendadas para você

Comentários