PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Mesmo com vitória, Corinthians segue vulnerável na defesa

10:01 | 23/10/2020
Setor defensivo do Corinthians é preocupação na equipe e precisa de ajustes (Foto: RODRIGO COCA/AG. CORINTHIANS)
Setor defensivo do Corinthians é preocupação na equipe e precisa de ajustes (Foto: RODRIGO COCA/AG. CORINTHIANS)

O Corinthians conseguiu uma vitória dramática contra o Vasco na última quarta-feira, pela abertura da 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os três pontos afastaram o Timão do Z4 e deram mais tranquilidade ao time que só volta a campo na próxima quarta-feira, pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Mas a vitória não significa que o Alvinegro se livrou de seus problemas. Segundo time mais vazado do Brasileiro com 26 gols, o Corinthians mais uma vez mostrou fragilidade defensiva.

Contra o décimo melhor ataque da competição, o Timão cedeu 17 finalizações, oito no alvo e uma na trave. Apenas uma bola entrou, mas segundo o Sofascore, o Vasco teve três grandes chances para marcar, além de 63% da posse de bola.

Nos três jogos sob comando de Mancini, o Corinthians sofreu com grande volume do adversário. Contra o Athletico-PR, foram 16 finalizações, nove no alvo, com 61% de posse de bola, em noite de grande atuação de Walter. Contra o Flamengo, nove finalizações, cinco gols e 62% de posse.

Pela primeira vez desde que assumiu o time, o novo técnico do Corinthians terá tempo para trabalhar e esboçar uma melhora no desempenho defensivo. Após folga na quinta-feira, o Timão entra em período de treinos até quarta-feira, quando recebe o América-MG pelas oitavas de final na Copa do Brasil. No sábado seguinte, dia 31, recebe o Internacional pela 19ª rodada do Brasileiro.

Gazeta Esportiva