Participamos do

Com gol no acréscimos, Ferroviário é derrotado pelo Náutico no Castelão

Apesar da derrota, Ferrão segue líder da Terceirona. Com a derrota, Tubarão vê vantagem diminuir e rivais encostarem na tabela
22:27 | Jul. 15, 2019
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Com gol acrobático nos acréscimos, o Náutico bateu o Ferroviário por 1 a 0 na noite desta segunda-feira, 15, no Castelão. O voleio de Matheus Carvalho, meia-atacante do Timbu, quando o empate sem gols prevalecia na arena em Fortaleza, foi um dos raros momentos de lucidez ofensiva de um jogo truncado, marcado pelo excesso de faltas e pela escassez de chances claras.

Apesar da derrota em casa, o time comandado por Leandro Campos ainda ostenta a liderança da Série C com 23 pontos. A diferença para o vice-líder e para o terceiro colocado, Confiança e Sampaio Corrêa, caiu de cinco para dois pontos. O Ferrão viu também a vantagem para o 5º colocado, agora o Náutico, descer de sete para cinco pontos.

No 1° tempo, o Tubarão da Barra, mesmo atuando em casa, adotou uma postura defensiva. Os visitantes tiveram a iniciativa da partida e chegaram com mais frequência à meta do goleiro Nícolas. Entretanto, as investidas do Timbu assustavam pouco o Coral.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O Ferroviário apostava em bolas alçadas no centroavante e artilheiro do Brasil, Edson Cariús. Isolado e cercado pelos defensores do Náutico, o camisa 9 teve dificuldades para dar sequência as jogadas de ataque. Mesmo assim, o atacante ainda deixou Caxito em condição para finalizar a gol na melhor chance do Tubarão na etapa inicial.

No 2° tempo, os donos da casa voltaram melhor do que o rival. Leandro Campos sacou o meio-campista Juninho Arcanjo para colocar o meia-atacante Juninho Potiguar. A substituição mudou a postura da equipe, que passou a se lançar mais ao setor ofensivo e pressionar o Timbu. Entretanto, faltou inspiração na frente para transformar as investidas em gol.

 

Com muita marcação dos dois lados, o jogo ficou travado e se encaminhava para o empate. Mas numa jogada em que Wallace Pernambucano brigou dentro da área com os zagueiros do Ferrão, a bola sobrou para Matheus Carvalho balançar as redes nos acréscimos, sem tempo algum para o Ferrão reagir.

OUÇA O NOVO EPISÓDIO DO FUTCAST:

Listen to "#62 - Quem volta melhor na Série A: Ceará ou Fortaleza" on Spreaker.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags