PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Um Maluco no Pedaço: após quase três décadas, reunião da série faz Will Smith e Janet Hubert se reconciliarem

O protagonista da famosa comédia dos anos 90 estava sem falar com a atriz, primeira intérprete da "Tia Vivian", há 27 anos

07:58 | 20/11/2020
Atores tiveram desentendimentos na terceira temporada da série (Foto: Warner Bros)
Atores tiveram desentendimentos na terceira temporada da série (Foto: Warner Bros)

O elenco de "Um Maluco no Pedaço", famosa série de comédia estadunidense, esteve reunido há dois meses para gravar um episódio especial em comemoração aos 30 anos do projeto. O espisódio foi lançado pela HBO Max nessa quarta-feira, 18. De acordo com o portal E! Online, além de proporcionar nostalgia, o momento possibilitou que o ator Will Smith fizesse as pazes com a atriz Janet Hubert- primeira intérprete da "Tia Vivian", depois de quase três décadas em que permaneceram brigados. 

Janet esteve na série durante as três primeiras temporadas mas acabou saindo do elenco em 1993 devido a um desentendimento com o ator, que interpretava o protagonista. Desde então os dois não se encontraram e seguiram apenas trocando farpas, em um período que durou 27 anos. Daphne Maxwell foi a atriz escolhida para ocupar o papel de Hubert e permaneceu dando vida a ela até os últimos episódios.

O  especial foi idealizado como forma de celebrar os trinta anos da série, completados em setembro deste ano. Na última semana, Will Smith revelou o trailer do projeto em seu Instagram, onda contava como havia sido o reencontro de todos os atores e mostrava que Janet também esteve presente. Na legenda, o ator escreveu que "não poderia comemorar os trinta anos da série" sem a atriz.

| LEIA MAIS |

Marília Mendonça fala sobre jejum intermitente; entenda a prática

Kate Hudson diz que beijo de Matthew McConaughey é ruim; ator rebate

Os bastidores da reconciliação, no entanto, só foram divulgados após o lançamento do episódio especial. Nas filmagens, Will e Janet se abraçam e conversam sobre o que aconteceu entre eles, ao lado dos demais atores: Tatyana Ali (Ashley), Karyn Parsons (Hillary), Joseph Marcell (Geoffrey), Daphne Maxwell Reid (Tia Vivian), Alfonso Ribeiro (Carlton) e Jazzy Jeff (Jazz). 

A atriz contou que, durante as filmagens da terceira temporada, ela estava grávida e teve problemas em casa que não a permitiam mais "sorrir" ou interagir como antes com o elenco. Em contrapartida, Will assumiu que não "foi sensível" e "perceptivo" com a atriz nessa época. "Eu faria as coisas muito diferentes. Eu posso ver como eu tornei a vida no set muito difícil para Janet", desabafou o ator.

Janet ainda revelou que a equipe da série cortou seu salário após a 3ª temporada e tentou fazer um acordo para renovar seu contrato, que ela considerou como "muito ruim" e acabou rejeitando, fazendo com que fosse desligada do elenco. Enfrentando brigas constantes com Will, a atriz destacou que se sentiu "rejeitada" por Hollywood e que o astro havia a "banido", falando coisas negativas a seu respeito para outras pessoas da indústria do entretenimento.

"Palavras podem matar. Eu perdi tudo. Reputação. Tudo, tudo. Eu entendo que você foi capaz de seguir em frente. Sabe, aquelas palavras—chamar uma mulher negra de 'dificil' em Hollywood, é o beijo da morte. Já é difícil ser uma mulher negra de pele escura nesta indústria. Eu senti que era necessário pra nós finalmente seguirmos em frente. E eu sinto muito por tê-lo deixado em pedaços", desabafou a atriz para Smith.

O ator agradeceu Hubert pela conversa e afirmou: "A pessoa que eu quero ser é alguém que te protege. Não alguém que solta os cachorros em você". Em seguida, os dois se desculparam um com o outro e foram abraçados por todos os demais atores do elenco.