PUBLICIDADE
NOTÍCIA

J.K. Rowling apaga tweet elogiando Stephen King após autor se posicionar favoravelmente a causa trans

A autora vem sendo criticada abertamente desde o início de junho, após publicar uma série de tweets considerados transfóbicos

12:42 | 29/06/2020
Além de ter apagado o post em que elogiava King, JK também deixou de segui-lo na rede social. (Foto: Reprodução/Facebook/J.K. Rowling)
Além de ter apagado o post em que elogiava King, JK também deixou de segui-lo na rede social. (Foto: Reprodução/Facebook/J.K. Rowling)

A aautora de Harry Potter, J. K. Rowling, apagou uma postagem no Twitter em que elogiava o colega Stephen King, autor de "O Iluminado" e "It - A coisa". O assunto do tweet envolvia o agradecimento de King ao declarar apoio a mulheres trans.

Tudo começou quando King retuitou uma postagem de JK que citava uma frase da ativista Andrea Dworkin. "Andrea Dworkin escreveu: 'Homens frequentemente reagem às palavras de mulheres — faladas ou escritas — como se fossem atos de violência; às vezes, homens reagem às palavras das mulheres com violência'. Não é odioso que as mulheres falem de suas próprias experiências, e elas não merecem ser vilificadas por fazer isso", disse.

Logo após King ter retweetado a frase, a autora escreveu: "Eu sempre reverenciei Stephen King, mas hoje meu amor alcançou outro patamar. É muito mais fácil para os homens ignorarem as preocupações das mulheres ou menosprezá-las, mas nunca esquecerei os homens que se levantaram quando não precisavam fazê-lo. Obrigado, Stephen".

No entanto, King respondeu um seguidor que cobrou posicionamento do autor sobre a causa trans. "Você devia dizer a nós, leitores onstantes, se você acredita que mulheres trans são mulheres", dizia. "Sim, mulheres trans são mulheres", respondeu o escritor.

Além de ter apagado o post em que elogiava King, JK também deixou de segui-lo na rede social.

A autora vem sendo criticada abertamente desde o início de junho, após publicar uma série de tweets considerados transfóbicos em resposta a um artigo de opinião no site Devex. Rowling se sentiu ressentida com a manchete 'criando um mundo mais igualitário pós Covid-19 para pessoas que menstruam".

"Pessoas que menstruam": Tenho certeza que costumava haver uma palavra para essas pessoas. Alguém me ajude. Wumben? Wimpund? Woomud?", disse JK referindo-se a variações da palavra "woman" em inglês. O tweet foi apontado por transfobia por determinar as pessoas pelo sexo biológico.