Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Vacinação do Centro de Eventos registra grandes filas nesta manhã

Grandes filas se formam no entorno da estrutura do Centro de Eventos. Fortalezenses esperam sua vez para garantir acesso ao imunizante contra Covid-19.
10:37 | Ago. 05, 2021
Autor - Levi Aguiar
Foto do autor
- Levi Aguiar Autor
Tipo Noticia

O cronograma de vacinação contra Covid-19 em Fortaleza segue ocorrendo no Centro de Eventos, em Fortaleza. Na manhã desta quinta-feira, 5, O POVO registrou filas para passar pela triagem e obter acesso ao imunizante. Nesta quinta, a disponibilização da vacina é para a população em geral e aplicação da segunda dose 2 (D2). A expectativa da Prefeitura Municipal de Fortaleza é imunizar 59 mil pessoas, contabilizando os imunizados que receberam dose ontem e receberão hoje. Confira as imagens do Centro de Eventos:

Agendados: quinta-feira (05/08)


>> Confira lista da população em geral para esta quinta-feira (05/08)

>> Confira lista de agendados para a (D2) quinta-feira (05/08)

 

Vacinação no Centro de Eventos nesta quinta-feira, 5 de agosto.
Vacinação no Centro de Eventos nesta quinta-feira, 5 de agosto. (Foto: Gabriel Borges/O POVO)

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Bolsonaro veta projeto que proibia despejos até o fim do ano

Política
10:40 | Ago. 05, 2021
Autor Vítor Magalhães
Foto do autor
Vítor Magalhães Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) vetou o Projeto de Lei (PL) aprovado pelo Congresso Nacional que determinava a suspensão de despejos até o fim deste ano em razão da pandemia de Covid-19. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira, 5. Deputados e senadores devem analisar o veto, podendo derrubá-lo ou mantê-lo.

O PL previa a suspensão dos despejos para imóveis urbanos que servissem de moradia ou representassem área produtiva pelo trabalho individual ou familiar até 31 de dezembro de 2021. A regra seria valida apenas para aluguéis de até R$ 600 (residências) ou R$ 1.200 (imóveis não residenciais). Para evitar a ordem de despejo, o locatário também precisaria comprovar as dificuldades financeiras.

Segundo o governo, a proposta "contraria o interesse público" e a finalidade do veto é "manter a estabilidade nas relações locatícias e assegurar o direito fundamental à propriedade". A Secretaria Geral da Presidência informou que a decisão ocorreu após manifestação de ministérios competentes como o da Economia (Paulo Guedes) e o da Mulher, Família e Direitos Humanos (Damares Alves).

De acordo com as pastas, o projeto "daria um salvo conduto para os ocupantes irregulares de imóveis públicos, os quais frequentemente agem em caráter de má fé e cujas discussões judiciais tramitam há anos" e poderia "consolidar ocupações existentes, assim como ensejariam danos patrimoniais insuscetíveis de reparação".

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Fortaleza tentar repetir o feito de 2005 e vencer o Palmeiras como visitante

Tabu Tricolor
10:39 | Ago. 05, 2021
Autor Horácio Neto
Foto do autor
Horácio Neto Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Após vencer Corinthians e São Paulo no Brasileirão e encerrar dois tabus enfrentando equipes paulistas, o Fortaleza terá mais uma missão de encerrar outra marca enfrentado mais um representante da “Terra da Garoa” no Campeonato Brasileiro. O Leão não derrota o Palmeiras como visitante de a Série A de 2005, no antigo Parque Antártica. Após o triunfo, o Tricolor não conseguiu empatar, acumulando três reveses.

|Leia mais| 

Fazem mais de 16 anos da última vitória tricolor sobre o Palmeiras em solo paulista. Em 2005, o time comandando por Hélio dos Anjos bateu o Alviverde por 2 a 1, com direito a gol nos minutos finais. No segundo tempo, Fumagalli abriu o placar para o Fortaleza marcando de cabeça. Warley, atacante do Verdão, respondeu na mesma moeda e empatou cabeceando a bola aos 41 minutos. Aos 44, Lúcio recebeu cruzamento, tirou o goleiro Marcos e balançou as redes dando números finais a partida.

Após o triunfo, o Leão não conseguiu repetir o feito enfrentando o Palestra como visitante. Nos outros quatro confrontos, o Tricolor perdeu todos e não marcou nenhum gol. Foram o 3 a 0 em 2006, 4 a 0 em 2019, e um novo 3 a 0 em 2020.

|Leia mais| 

Como mandante, na temporada 2020, o Fortaleza encerrou um tabu contra o Alviverde batendo a equipe por 2 a 0 na Arena Castelão. O Leão encerrou a sequência de cinco jogos sem vencer, três vitórias palmeirenses e dois empates.

O embate ocorrerá neste sábado, 7, às 21 horas, no Allianz Parque, em confronto válido pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Fortaleza tem 27 pontos e ocupa a terceira posição, enquanto o Palmeiras é o líder da competição com 32.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Operação Matrioska combate desvio de recursos públicos no Ceará

Geral
10:30 | Ago. 05, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Um esquema de fraude em licitações, lavagem de dinheiro, corrupção e organização criminosa envolvendo recursos públicos federais, no período de 2013, e 2020 é o alvo da Operação Matrioska, da Polícia Federal (PF), nesta quinta-feira (5). Os suspeitos têm atuação na região de Russas (CE) e há indícios de participação de empresários, políticos, servidores públicos e laranjas ou testas de ferro.

Na ação, cerca de 140 policiais federais e dez auditores da Controladoria-Geral da União estão cumprindo 30 mandados de busca e apreensão, expedidos pela 15ª Vara da Justiça Federal de Limoeiro do Norte (CE), nas cidades de Fortaleza, Icapuí, Cascavel e Russas (CE), além de Caçapava do Sul (RS) e Brasília (DF).Valores ilícitos nas contas dos investigados estão sendo bloqueados.

Histórico

Segundo a PF, as investigações tiveram início em 2017, em decorrência de dados apurados na Operação Hora do Lanche, deflagrada em 2015. Com o aprofundamento das investigações e análises de dados fiscais e bancários dos envolvidos, a PF e a CGU levantaram indícios de atuação de esquema criminoso para fraudar ou direcionar licitações em Russas (CE), envolvendo recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

O esquema envolve empresas de fachada e outras que mantinham ligação com um empresário suspeito naquele município. Por meio de laranjas ou interpostos financeiros, ele, servidores públicos e políticos se beneficiavam desse esquema de corrupção e lavagem de dinheiro. Além da atuação de servidores públicos, secretários municipais, políticos de Russas e de outros municípios em esquema de pagamentos de propinas, há suspeita de participação no esquema de integrantes de facções criminosas que atuam em âmbito nacional.

Os indiciados responderão, na medida de sua participação, pelos crimes de fraude em licitações, lavagem de dinheiro, corrupção e organização criminosa.

O termo matrioska é alusão às bonecas russas e remete à complexidade da teia criminosa investigada. As investigações continuam, com análise do material apreendido na operação policial.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Espanhola Sandra Sánchez é a primeira campeã olímpica de karatê

tóquio 2020
10:27 | Ago. 05, 2021
Autor AFP
Tipo Notícia

Sandra Sánchez se tornou nesta quinta-feira a primeira campeã olímpica de karatê na história, ao triunfar na modalidade Kata dos Jogos de Tóquio. Ela superou a japonesa Kiyou Shimizu na final, disputada no Nippon Budokan de Tóquio.

A espanhola, que foi campeã mundial em 2018, conseguiu 28,06 pontos, contra 27,88 da atleta japonesa. As medalhas de bronze foram conquistadas por Mo Sheung Grace Lau (Hong Kong) e a italiana Viviana Bottaro.

LEIA MAIS| Novos esportes em Tóquio: 16 brasileiros competem no surfe e no skate

Os katas são sequências de movimentos estabelecidos, tanto de ataque como de defesa, contra um rival imaginário, que recebem pontuação no aspecto técnico e atlético.

O karatê entrou no programa olímpico para os Jogos de Tóquio 2020, mas não será disputado nos Jogos de Paris 2024.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

No 13º dia olímpico, nova medalha do skate e a dolorosa derrota do vôlei masculino

10:24 | Ago. 05, 2021
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

E o skate brasileiro conseguiu sua 3º medalha na Olimpíada de Tóquio. Na prova de park masculina, Pedro Barros ficou com a medalha de prata. Pedro tem 26 anos e é um dos atletas com mais conquistas na modalidade. Foi campeão mundial em 2018, prata em 2017. Medalhista em praticamente todas etapas do circuito mundial.

Atleta muito experiente, conseguiu na final uma ótima nota de 86,14 logo na 1º volta, colocando pressão nos adversários. Só foi superado pelo australiano Keagan Palmer, que não estava entre os favoritos, mas fez uma volta espetacular, conseguindo 95,83. Os 2 principais favoritos dos EUA, Heimana Reynolds campeão mundial de 2019 e Zion Wright, vencedor do Dew Tour 2021, foram muito mal nas eliminatórias e não se classificaram entre os 8 melhores.

Além de Pedro Barros, o Brasil teve outros 2 atletas na final. Pedro Quintas foi o 8º colocado. Luiz Francisco, que tinha sido o melhor na fase de classificação, ficou apenas a 1 ponto da medalha de bronze. Ele fechou com nota de 83,14, contra 84,13 do americano Cory Juneau.

Confira a participação brasileira em outros esportes:

Vôlei - O sonho do bicampeonato olímpico da seleção brasileira de vôlei masculino terminou nesta madrugada. Derrota para a Rússia por 3 a 1. Na fase de classificação, a seleção já havia sido derrotada pelos russos. O Brasil venceu o 1º set, perdeu o 2º e no 3º chegou a estar vencendo por 20 a 12 e depois 23 a 19. Numa sequencia de saques, os russos fizeram 24 a 23 e depois fecharam em 26 a 24. No 4º set muito equilíbrio, mas os russos conseguiram uma pequena vantagem no final para fechar em 25 a 23. O Brasil agora vai disputar o bronze contra França ou Argentina. A ultima vez que o Brasil ficou sem medalhas no vôlei masculino foi em 2000.

Atletismo - E mesmo fazendo sua melhor marca do ano, Darlan Romani não conseguiu medalha olímpica no arremesso do peso. Ele acabou na 4º colocação, mesma posição do mundial de 2019. A marca obtida por Darlan Romani em Tóquio foi de 21m88. Antes da pandemia, no ano de 2019, Darlan chegou a arremessar 22m61. No mundial fez 22m53. Mas com a pandemia, além de ter pego Covid e demorado para se recuperar, teve o treinamento prejudicado e participou de poucas competições. Tanto que sua melhor marca nos últimos 2 anos era de 21m56. Na Olimpíada fez 32 centímetros a mais. O ouro da prova ficou com o imbatível americano Ryan Crouser com 23m30, novo recorde olímpico. Na marcha atlética 20km, Caio Bonfim foi 13º. Nos revezamentos 4x100 masculino e feminino, o Brasil não conseguiu vaga nas finais.

Boxe - Brasil garantiu nessa madrugada vagas em duas finais da Olimpíada. Bia Ferreira confirmou o favoritismo e vai decidir a medalha de ouro da categoria 60kg. A brasileira bateu a finlandesa Mira Potkonen por unanimidade dos juízes 5 a 0. Na final olímpica teremos o encontro das duas últimas campeãs mundiais da categoria: Bia Ferreira e a irlandesa Kelle Harrington.

No masculino uma agradável surpresa. Hebert Conceição na categoria 75kg superou o russo Gleb Bakshi, de quem havia perdido na semifinal do mundial 2019. O brasileiro dominou os 2 primeiros rounds e só administrou no 3º. A vitória foi por 4 a 1 na avaliação dos árbitros. Hebert vai enfrentar na decisão o ucraniano Oleksandr Khyzhniak, campeão mundial de 2017 e dos Jogos Europeus 2019.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags