PUBLICIDADE
Coronavírus
Noticia

Caso suspeito no Ceará da variante indiana é descartado

O homem de 35 anos chegou a Fortaleza no dia 9 de março sem sintomas e ficou isolado em um hotel

14:17 | 27/05/2021
Teste Covid-19 (Foto: Aurelio Alves/O POVO)
Teste Covid-19 (Foto: Aurelio Alves/O POVO)

Foi descartado o caso da nova variante indiana em investigação no Ceará. A informação é do Ministério da Saúde.

Há até agora sete casos confirmados da nova variante no Brasil, seis deles em em São Luiz (Maranhão) e um em Campos dos Goytacazes (RJ).

Há atualmente três casos suspeitos monitorados, em Minas Gerais e no Pará. Esses casos aguardam resultado do sequenciamento genético.

Caso suspeito que havia no Distrito Federal também foi descartado, assim como o do Ceará.

Segundo o Ministério da Saúde, todos os suspeitos estão isolados e são monitorados pelos Centro de Informações Estratégicas em Vigilância e Saúde (CIEVS) locais.

LEIA MAIS | B.1.617: o que é e como age a variante indiana do coronavírus

Estudo afirma que vacinas Pfizer e AstraZeneca são eficazes contra variante indiana

Caso suspeito 

O passageiro que veio da Índia desembarcou em Fortaleza no dia 9 de maio. "O itinerário do paciente foi Índia-Catar-São Paulo-Fortaleza. É um paciente assintomático. Fez os protocolos da empresa: dois testes RT-PCR que deram negativo antes de viajar. Quando ele chegou, fez novos exames e foi verificada a positividade da Covid-19", explica Magda Almeida, secretária-executiva de Vigilância e Regulação da Sesa.

Uma semana depois, no dia 18, um novo teste já não detectou a presença do vírus no organismo do viajante. O caso suspeito foi notificado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no dia 17 e informado à população no dia 21.

O homem seguiu em isolamento preventivo em um hotel que, segundo a secretária, obedece protocolos rígidos de biossegurança e permanece sem sintomas. Ele veio da Índia com um colega de empresa, que também estava sem sintomas e realizou testes nos dias 10 e 12 de maio, com resultados negativos.