PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Lockdown "é uma decisão acertada", diz presidente da Aprece

Henrique Araújo
10:35 | 11/03/2021
FORTALEZA,CE, BRASIL, 06.03.2021: Cidade em Lockdown decretado pela segunda vez pelo estado. Rua Castro e Silva, Centro. (Fotos: Fabio Lima/O POVO) (Foto: FABIO LIMA)
FORTALEZA,CE, BRASIL, 06.03.2021: Cidade em Lockdown decretado pela segunda vez pelo estado. Rua Castro e Silva, Centro. (Fotos: Fabio Lima/O POVO) (Foto: FABIO LIMA)

Presidente da Associação de Municípios do Ceará (Aprece), o prefeito de Chorozinho, Júnior Castro, avalia que o anúncio de adoção de lockdown em todo o estado, feito pelo governador Camilo Santana (PT) na noite de ontem, "é uma decisão acertada".
"Estamos vivendo situação difícil no estado, a Covid está se alastrando por todas as regiões ao mesmo tempo, diferentemente da primeira onda, quando houve tempo para municípios se organizassem", alertou o gestor.
Já empregada em Fortaleza desde a semana passada, a medida de restrição foi estendida pelo governador a todo o território cearense de sábado, 13, até o dia 21. O decreto de isolamento social rígido deve ser publicado hoje no Diário Oficial do Estado.
Ainda de acordo com Castro, há um entrave à execução efetiva do lockdown: policiamento. "A principal dificuldade que vejo, principalmente nos pequenos municípios, é o cumprimento das medidas, porque precisamos da PM para fazer cumprir", disse.
Para ele, "sem isso, não conseguimos alcançar o resultado porque não temos poder de polícia e ficamos frustrados". "Se não tiver", ele avisa, "não vai mudar muita coisa. Em Chorozinho, decretamos e se não tiver fiscalização mais efetiva".

Leia também: 


O anúncio de isolamento social rígido em todo o estado até 21 de março, período no qual apenas atividades essenciais estão liberadas para funcionar, causou discussão entre parlamentares.
Adversário de Camilo, o deputado estadual André Fernandes (Republicanos) foi às redes sociais para criticar a adoção do lockdown como forma de conter o avanço da pandemia de Covid-19.
"Camilo Santana acaba de decretar lockdown em todo o Estado do Ceará a partir de sábado. É muito cômodo destruir empregos enquanto a sua renda está garantida todo início de mês", escreveu o parlamentar. E acrescentou: "Fome e depressão também matam, inclusive bem mais que o próprio Ccovid-19".
Alinhado ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o deputado rejeita ações de enfrentamento à doença que vêm sendo tomadas pelo Governo do Estado. Ontem, durante live semanal nas redes, Bolsonaro voltou a confrontar governadores pelo emprego de medidas restritivas.
Líder da minoria na Câmara, o deputado federal José Guimarães (PT) saiu em defesa do decreto anunciado pelo governador petista.