PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Enem 2020: Candidatos com Covid-19 poderão pedir reaplicação da prova

Solicitação deve ser feita por meio de comunicado na Página do Participante antes da aplicação do exame

20:20 | 24/12/2020
As provas do Enem 2020 serão realizadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021, versão impressa, e em 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021,  versão digital (Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília)
As provas do Enem 2020 serão realizadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021, versão impressa, e em 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021, versão digital (Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília)

Próximo de mais uma edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), algumas adaptações foram feitas nesta edição da prova. Entre elas, está a que os candidatos que foram diagnosticados com Covid-19, ou outras doenças infectocontagiosas, poderão pedir a reaplicação da prova. A medida está entre os protocolos do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) com as adaptações e medidas de segurança dos participantes em virtude da crise sanitária gerada pela pandemia do novo coronavírus.

Leia Também | Com salas exclusivas para grupo de risco da Covid-19, Inep divulga adaptações para Enem 2020

As provas do Enem 2020 serão realizadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021, versão impressa, e em 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021, versão digital. Conforme orientação do Inep, os candidatos que apresentarem doenças infectocontagiosas nos dias de realização das provas devem evitar comparecer aos locais de aplicação e pedir a reaplicação do exame. A solicitação deve ser feita por meio de comunicado na Página do Participante antes da aplicação do exame. 

Já para os participantes que apresentarem sintomas na véspera ou no dia da prova também não deverão comparecer ao local de aplicação. No entanto, neste caso, os candidatos além de registrar o ocorrido na Página do Participante, o inscrito também deverá entrar em contato com a Central de Atendimento do Inep no número 0800 616161 e relatar a condição, a fim de agilizar a análise do laudo pela autarquia. A situação do pedido deverá ser consultada na página do participante.

Entre as doenças infectocontagiosas que atendem a solicitação de reaplicação do Enem 2020 estão: coqueluche, difteria, doença invasiva por Haemophilus influenza, doença meningocócica e outras meningites, varíola, Influenza humana A e B, poliomielite por poliovírus selvagem, sarampo, rubéola, varicela e Covid-19.

Leia Também | Inep disponibilizará cartão de confirmação do Enem em 5 de janeiro

Solicitação

Os inscritos no exame deverão passar por alguns passos na Página do Participante, localizada no portal do Inep. O candidato deverá inserir, no momento da solicitação, documento legível que comprove a doença.

Na documentação, deverá constar: nome completo do participante; diagnóstico com a descrição da condição; código correspondente à Classificação Internacional de Doença (CID 10); assinatura e identificação do profissional competente, com o respectivo registro do Conselho Regional de Medicina (CRM), do Ministério da Saúde (RMS) ou de órgão competente e data do atendimento. Além disso, cada documento deve ser anexado em formato PDF, PNG ou JPG, no tamanho máximo de 2 MB.

Enem 2020

O Exame Nacional do Ensino Médio avalia o desempenho escolar ao final da educação básica. A estrutura do exame conta com uma redação e 45 questões em cada prova das quatro áreas de conhecimento: linguagens, códigos e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias. Ao todo, 5.783.357 inscrições foram confirmadas para o Enem 2020.

Outras adaptações nesta edição da prova estão a disponibilização de álcool em gel será para todos os participantes, garantiu o Inep. O Instituto ainda reforçou que o uso de máscara será obrigatório durante toda realização do exame. A entidade pontuou ainda que os candidatos poderão levar mais de uma máscara para realizar a troca ao longo do exame.

A ocupação das salas de aplicação será de, aproximadamente, 50% da capacidade, e a indicação é de possibilitar o máximo de ventilação natural e aeração dos ambientes.

Leia Também | Um mês para o Enem: todas as informações que você precisa saber antes de fazer a prova

Confira calendário de datas das provas e divulgação de resultados

1º dia do Enem impresso: 17 de janeiro (domingo)

2º dia do Enem impresso: 24 de janeiro (domingo)

1º dia do Enem Digital: 31 de janeiro (domingo)

2º dia do Enem Digital: 7 de fevereiro (domingo)

Gabarito das provas objetivas: até três dias úteis depois das últimas provas

Data para o candidato acessar sua prova de redação: ainda não foi divulgada

Divulgação dos resultados: 29 de março (segunda-feira)

Aplicação das provas para aos cidadãos privados da liberdade (Enem PPL): 24 e 25 de fevereiro

Reaplicação da prova: 24 e 25 de fevereiro