PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Visitas às unidades prisionais começam a ser liberadas gradualmente a partir de sábado, 29

As visitas deverão ser previamente agendadas e ocorrerão somente aos finais de semana, por, no máximo, 20 minutos

Catalina Leite
09:07 | 28/08/2020
As unidades prisionais localizadas em municípios cujas atividades já estejam na fase quatro do plano de retomada deverão estar com período igual ou superior a 30 dias sem contaminação por Covid-19 em internos e estar com período igual ou superior a 30 dias sem contaminação por Covid-19 em servidores (Foto: Divulgação/SAP)
As unidades prisionais localizadas em municípios cujas atividades já estejam na fase quatro do plano de retomada deverão estar com período igual ou superior a 30 dias sem contaminação por Covid-19 em internos e estar com período igual ou superior a 30 dias sem contaminação por Covid-19 em servidores (Foto: Divulgação/SAP)

As visitas sociais às unidades prisionais começam a ser liberadas a partir deste sábado, 29, pela Secretaria de Administração Penitenciária (SAP). A princípio, serão permitidas visitas a dez equipamentos (veja lista no fim da matéria), com série de restrições para cumprir protocolos sanitários em razão da pandemia de Covid-19.

As visitas deverão ser previamente agendadas no site da SAP e ocorrerão somente nos fins de semana, entre 8h e 12h. Além disso, cada visita durará 20 minutos no máximo, sendo permitida a entrada de apenas um visitante por interno.

Aos visitantes sem carteirinha, o agendamento deve ser realizado no site do Vapt Vupt ou da Casa do Cidadão.  No site da Casa do Cidadão, clique em Agendamento Serviços Casa do Cidadão. As unidades não atenderão aqueles que comparecerem presencialmente sem agendamento prévio. De acordo com a SAP, as medidas objetivam “evitar a reinserção da Covid-19 no sistema penitenciário cearense”.

A entrada de crianças, gestantes, idosos e demais pessoas do grupo de risco está proibida. Só estão autorizados a visitar aqueles que não integram grupo de risco ou já foram infectados por Covid-19 e se encontram recuperados em período igual ou superior a 30 dias.

LEIA TAMBÉM | SAP realiza estudo do protocolo de visita nos presídios para evitar proliferação do coronavírus


+ Mulheres parentes de presos fazem manifestação em frente à sede da SAP

Equipamentos autorizados à visitação social

Unidade Prisional Agente Luciano Andrade Lima (CPPL 1);
Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Clodoaldo Pinto (CPPL 2);
Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Jucá Neto (CPPL 3);
Centro de Execução Penal e Integração Social Vasco Damasceno Weyne (CEPIS);
Instituto Psiquiátrico Governador Stênio Gomes;
Instituto Penal Professor Olavo Oliveira II (IPPOO II);
Unidade Prisional Irmã Imelda Lima Pontes;
Centro de Detenção Provisória (CDP);
Unidade Prisional Desembargador Adalberto de Oliveira Barros Leal (Caucaia) e;
Cadeia Pública de Fortim