PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Homem escala parede de hospital para se despedir da mãe internada com Covid-19

A mulher de 73 anos morreu pouco depois que o filho, de apenas 30 anos, escalou o muro para vê-la.

Ismia Kariny
13:36 | 21/07/2020
 A imagem de Al-Suwaiti comoveu internautas (Foto: Reprodução/Facebook )
A imagem de Al-Suwaiti comoveu internautas (Foto: Reprodução/Facebook )

Internautas estão sensibilizados com a história de Jihad Al-Suwaiti, palestino que escalou muro de um hospital para se despedir da mãe, antes dela morrer por complicações da Covid-19. A história tem sido divulgada amplamente nas redes sociais, onde pessoas de todo o mundo enviam mensagens de apoio para Al-Suwaiti. As informações são do portal de notícias The Indian Express.

Jihad Al-Suwaiti, da cidade palestina de Beit Awwa, na Cisjordânia, subiu à Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Estadual Hebron para ver a mãe, que estava em tratamento por infecção com o novo coronavírus. Conforme o Indian Express, a mulher de 73 anos morreu pouco depois que o filho, de apenas 30 anos, escalou o muro para vê-la, em 16 de julho.

As imagens de Al-Suwaiti escalando a parede do hospital comoveu internautas. “Essa imagem é um lembrete precioso de amor e família, que nos une em todas as culturas”, disse um usuário do Twitter. “Espero com todo o meu coração que sua mãe possa vê-lo através daquela janela”, escreveu uma internauta.

As fotos também foram compartilhadas por um diplomata da Organização das Nações Unidas, juntamente com uma ilustração em que o Al-Suwaiti é visto sendo consolado pela mãe. "O filho de uma mulher palestina infectada com Covid-19 subiu ao quarto do hospital para sentar e ver sua mãe todas as noites até que ela falecesse", escreveu Mohamad Safa.