PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Plantão da Globo interrompe novela com dados do coronavírus após Bolsonaro anunciar que atraso na divulgação era proposital

Presidente havia dito que não haveria mais matéria nos telejornais do horário nobre com as informações, mas não confirmou ter dado a ordem para adiar a publicação das informações

Bemfica de Oliva
22:57 | 05/06/2020
Plantão da Globo interrompeu novela nesta sexta-feira, 5, para anunciar atualização sobre dados da Covid-19, que foram atrasadas a mando de Bolsonaro (Foto: Reprodução/Rede Globo)
Plantão da Globo interrompeu novela nesta sexta-feira, 5, para anunciar atualização sobre dados da Covid-19, que foram atrasadas a mando de Bolsonaro (Foto: Reprodução/Rede Globo)

No mesmo dia em que Bolsonaro afirmou que a divulgação de dados sobre contaminações e óbitos por coronavírus passou a ser atrasada propositalmente, a Rede Globo interrompeu sua programação cotidiana com um plantão assim que os números foram liberados. O Plantão da Globo, geralmente usado para noticiar fatos urgentes que acontecem fora do horário dos telejornais, cortou a reprise da novela "Fina Estampa", com o apresentador do Jornal Nacional, William Bonner, trazendo os números totais e das últimas 24 horas de infectados e mortos pela Covid-19 no Brasil.

A atualização trouxe um total de 645.771 contaminações, sendo 30.830 confirmadas desde a divulgação da última quinta-feira, e 35.026 mortes, das quais 1.005 foram registradas nas últimas 24 horas. É o quarto dia seguido com mais de mil mortes registradas. Bonner informou que, conforme prometido, a emissora estava anunciando os números assim que foram divulgados pelo governo federal.

Por fim, o apresentador prestou solidariedade às famílias de vítimas da doença. O plantão encerrou com imagem da redação da emissora, onde uma projeção na parede exibia a bandeira do Brasil em preto e branco.

Após a veiculação do plantão, o site do Ministério da Saúde com os dados sobre a pandemia de coronavírus entrou "em manutenção", e permanecia fora do ar até o fechamento da matéria.

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >