PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Associação das Defensoras e dos Defensores Públicos do Estado do Ceará comemora 40 anos neste mês de maio

Hoje, no Ceará, são 397 associadas e associados à Adpec. Entidade tem feito lives no Instagram durante período de quarentena no estado

13:03 | 18/05/2020
FORTALEZA, CE, BRASIL,  24-10-2018: Fachada do prédio da defensoria pública geral. (Foto: Alex Gomes/O Povo) (Foto: Alex Gomes/ Especial para O POVO)
FORTALEZA, CE, BRASIL, 24-10-2018: Fachada do prédio da defensoria pública geral. (Foto: Alex Gomes/O Povo) (Foto: Alex Gomes/ Especial para O POVO)

A Associação das Defensoras e Defensores Públicos do Estado do Ceará (Adpec) comemora neste mês de maio 40 anos de sua fundação. A história começou em 8 de maio de 1980, quando a entidade foi construída, antes mesmo da própria Defensoria Pública ser instituída. Esta última nasceu com a Constituição Federal de 1988 e no Ceará só chegou após sanção do então governador Tasso Ribeiro Jereissati em 28 de abril de 1997.

Antes disso, a assistência jurídica a pessoas em situação de vulnerabilidade era provida por advogados e advogadas de ofício que criaram a associação e estiveram na defesa da Assembleia Nacional Constituinte. Alguns dos colaboradores fundadores seguem até hoje em atuação.

Para a a atual presidenta da Adpec, Amélia Soares da Rocha, a data destaca a importância da luta pelo fortalecimento da carreira. “Naquela época éramos poucos e um sonho de unirmos força num objetivo único: garantir o acesso à Justiça para todos os cearenses em situação de vulnerabilidade no Estado. Neste caminhar, vencemos muitas lutas e temos a nossa carreira cada vez mais respeitada. São 40 anos de dedicação de defensoras e defensores públicos que transformam tantas vidas espalhadas pelo Ceará”, declara.

Hoje, no Ceará, são 397 associadas e associados à Adpec. "A associação nasceu com luta, doação, idealismo, dedicação e coragem de nossos colegas fundadores", destaca a presidenta. Segundo Amélia, as comemorações devem seguir por todo o mês de maio como uma forma de resgatar a história e fortalecer as raízes da instituição.

Durante período de isolamento social devido pandemia do novo coronavírus, a associação está fazendo lives no Instagram com palestras, aulas de Yoga, momentos de contação de histórias para as crianças entre outras atividades. Na live de hoje, às 17 horas, encontro abordará "O papel do juiz no encarceramento e na pandemia". O convidado será o juiz Marcelo Semer, que será recebido pela defensora pública Beatriz Fonteles. Você pode conferir e assistir à programação completa no Instagram da Adpec.