PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Pesquisadores chineses mapeiam estrutura de enzima importante na replicação do novo coronavírus

A descoberta pode ajudar mais de 300 mil equipes de cientistas a identificar medicamentos que inibam a multiplicação do Sars-Cov-2 no corpo humano

Catalina Leite
09:16 | 14/04/2020

Pesquisadores da Universidade ShanghaiTech, na China, identificaram a estrutura da principal protease do Sars-CoV-2, a Mpro. A pesquisa foi publicada na revista de divulgação científica Nature , na última quinta-feira, 9.

Segundo os cientistas, a descoberta dá abertura para indicar quais medicamentos são promissores no tratamento da Covid-19. Isso porque a Mpro é uma enzima que atua no processo de replicação e transcrição do Sars-Cov-2, ou seja, para a multiplicação do vírus dentro das células animais.

Ao identificar a protease, especialistas podem desenvolver medicamentos que inibam as etapas de reprodução do novo coronavírus. Por isso, as informações do estudo foram disponibilizadas para mais de 300 equipes de pesquisa mundiais.

Leia também | Cientistas transformam estrutura do coronavírus em música para identificar pontos fracos do organismo

Após identificar a Mpro, os especialistas transformaram a substância orgânica em um modelo 3D por meio de software. Depois, outro programa foi utilizado para avaliar 10 mil compostos que poderiam inibir a protease. A descoberta ainda não significa a certeza de uma cura para a Covid-19.