PUBLICIDADE
Coronavírus
Noticia

Ceará tem segunda morte por coronavírus no Interior

O caso de moradora de Tianguá foi confirmado pelo prefeito e pelo secretário da Saúde do Município

Luana Façanha
16:37 | 01/04/2020
Secretário da Saúde e o prefeito de Tianguá pediram à população que evite sair às ruas (Foto: REPRODUÇÃO/VÍDEO)
Secretário da Saúde e o prefeito de Tianguá pediram à população que evite sair às ruas (Foto: REPRODUÇÃO/VÍDEO)

Foi registrada a segunda morte pelo novo coronavírus, a Covid-19, no Interior do Ceará. O caso é de uma moradora de Tianguá, na região da Ibiapaba, uma idosa de 89 anos, que tinha uma doença cardiovascular. Ela não viajou para fora do Estado e, segundo o secretário da Saúde de Tianguá, provavelmente contraiu a doença no próprio Município. Ela tinha doença cardiovascular.

Em vídeo, o prefeito de Tianguá (CE), Luiz Menezes de Lima, aparece ao lado do secretário da Saúde do Município, Rejarley Vieira, e confirma o primeiro caso de morte por coronavírus na cidade.

A informação foi recebida na manhã desta quarta-feira, 1º de abril (01/04). No vídeo, prefeito e secretário de saúde lamentam a situação e procuram reforçar a quarentena em Tianguá. 

“Estamos recebendo aqui a confirmação do óbito de um paciente que teve o diagnóstico de coronavírus. Isso é uma situação lastimável que temos que comunicar à sociedade", disse o prefeito Luiz Menezes. Ele afirma que as pessoas devem criar um maior compromisso em seguir os decretos e recomendações que estão sendo divulgados a mais de 20 dias.

O secretário da Saúde afirma que a confirmação do diagnóstico veio do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen) e que a vítima não viajou para fora do Estado, e pode ter contraído o vírus no Município. "Queremos reforçar os cuidados que nós enquanto população devemos ter, seguindo as recomendações do nosso prefeito e governador. Vimos a população ainda nas ruas, como se ainda não tivessem percebido a gravidade do coronavírus. Solicitamos que as pessoas fiquem em seus domicílios, e saiam apenas quando precisar realmente sair.”

A primeira morte no Interior foi confirmada na última segunda-feira, 31 de março (31/03), de uma paciente de Santa Quitéria e que morreu no Hospital Regional Norte (HRN), em Sobral.

 

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >