Pular navegação e ir direto para o conteúdo

PUBLICIDADE
Reportagem

A onda de ataques no Ceará

No dia 4 de janeiro deste ano, uma sexta-feira, o Ceará viveu um dia de terror. Mais de 40 ataques criminosos foram registrados em Fortaleza, Eusébio, Caucaia, Maracanaú, Pacatuba, Tianguá, Pindoretama, Canindé, Jaguaruana, Piquet Carneiro, Morrinhos, Aracoiaba, Baturité, Pacajus, Juazeiro do Norte e Massapê.

Os alvos dos atentados foram muitos, desde postos de combustível a prédios públicos, agências bancárias, ônibus, caminhões e veículos particulares. O fim de semana chegava trazendo a marca do ápice da crise na segurança pública no estado, que explodiu no segundo dia do ano.

 

19:24 | 14/03/2019

Comentários