Participamos do

"Menino Zé": Di Ferreira apresenta música inédita neste sábado, 29

A música "Menino Zé", de Di Ferreira, estará disponível por dois dias, a partir das 18 horas deste sábado, 29, no perfil do Instagram do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
12:40 | Mai. 29, 2021
Autor Clara Menezes
Foto do autor
Clara Menezes Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Uma das maiores inspirações da cantora Di Ferreira é a amiga Daniele Jucá. Formada em Gastronomia pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), “Dani” morava sozinha com o filho Caetano, apelidado de Zé, enquanto fazia o curso. “Eu lembro de falar muito com ela no telefone e de acompanhar todos os percalços e as maravilhas”, lembra a artista.

Assim surgiu a canção inédita “Menino Zé”, que será apresentada no perfil do Instagram do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura neste sábado, 29, a partir das 18 horas. O conteúdo somente ficará disponível por dois dias, ou seja, até segunda-feira, 31.

Leia também | "Derrocada coletiva": artistas lamentam queda do telhado do Teatro da Praia

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A obra começou de um sentimento que teve ao assistir ao filme “Como Água para Chocolate” (1992), dirigido por Alfonso Arau. “Todo o entrelace das emoções com o feitio do alimento, que acessa os sentimentos de quem ali se deleita, me remeteu muito ao que a Dani vive. Sempre cercada de ingredientes que movimentam, além do paladar, também a alma, o fazer político, a memória, o encontro consigo e com a vida”, comenta.

A música aborda várias temáticas: a realização dos próprios sonhos, as sensações de ser mulher e mãe solo e a ligação entre amizades que transpassam as relações familiares. A composição surgiu há três anos e foi apresentada algumas vezes desde então, em shows de Di Ferreira.

Leia também | Festival Festa do Sol apresentará mais de 170 trabalhos de artistas cearenses

“Eu tenho carinho pela canção, porque acabo cantando numa espécie de agradecimento às minhas amigas mães, que me permitem observar de perto uma maternidade real, que dividem comigo, me permitem ser rede de apoio e aprender sobre isso de uma forma tão fluida e sincera”, indica.

A ideia de juntar as expressões de Di, Dani e Zé já existia desde a elaboração da canção. Mas foi durante a pandemia que apareceu a oportunidade de execução. “Nessas movimentações incertas da pandemia, surgiu a oportunidade de executar o que estava nas ideias, testar, se jogar na experiência. Como não tenho feito muitos planos a longo prazo, tento não adiar muito minhas ideias e vontades”, explica.

Leia também | Vida&Arte Convida recebe atriz Maria Flor neste sábado, 29

Após as 48 horas, o vídeo do IGTV do Dragão do Mar sairá do ar. A obra ainda não tem previsão para ser divulgada ao público novamente. “Quero fazer mais coisas no arranjo dela, mas esse momento vai rolar, sim. Quero que as pessoas curtam meu som mais pra frente”.

De acordo com ela, há alguns instrumentos que pretende adicionar na melodia, como percurssão. “Quero swing. Eu, Dani e Caetano adoramos soltar o quadril! Quem sabe role até uma variação dessa performance. Há um vasto caminho de possibilidades. Estou entregue e aberta”, finaliza.

Leia também | Fotógrafo de Fine Art, Alan Uchoa estampa a capa do O POVO neste sábado, 29

Menino Zé

Quando: de sábado, 29, às 18 horas, até segunda-feira, 31

Onde: no perfil do Instagram @dragaodomar

Podcast Vida&Arte

O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags