PUBLICIDADE
Vida & Arte
Noticia

Grammy 2021: veja a lista dos principais vencedores da premiação

A 63ª edição do Grammy Awards aconteceu neste domingo, 14 de março. Na cerimônia, Beyoncé se tornou a artista com o maior número de prêmios da história do evento

18:34 | 14/03/2021
O Grammy 2021 anuncia vencedores neste domingo, 14 de março (Foto: Reprodução/ Grammy.com)
O Grammy 2021 anuncia vencedores neste domingo, 14 de março (Foto: Reprodução/ Grammy.com)

A 63ª edição do Grammy Awards ocorreu neste domingo, 14 de março. A cerimônia, que premia os destaques da indústria musical, aconteceu em formato presencial, no estádio Staples Center, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Um dos principais destaques da noite foi Beyoncé, que se tornou a artista com o maior número de prêmios da história do evento. Agora, coleciona 28 estatuetas.

Além dela, sua parceira em “Savage”, Megan Thee Stallion, também foi um dos grandes nomes da noite. Ela venceu em “Melhor Música de Rap”, “Melhor Performance de Rap” e “Artista Revelação”.

Já o cantor Harry Styles recebeu o primeiro prêmio da carreira com “Watermelon Sugar”. O single, do álbum Fine Line (2019), teve destaque em “Melhor Performance Solo Pop”. O músico ainda foi o responsável pela apresentação de abertura do evento.

No Grammy, a categoria “Gravação do ano” é considerada a mais esperada e importante. Nesta, Billie Eilish ganhou com a canção “Everything I Wanted”. A música estava inicialmente prevista para entrar no seu álbum de estreia “When We All Fall Asleep, Where Do We Go?”, mas foi retirada por tratar de pensamentos mais íntimos. Ela e o irmão, Finneas Baird O’Connell, também venceram “Melhor Música Escrita para Mídia Visual”, com “No Time to Die”.

Outros artistas também tiveram destaque, como Dua Lipa, que levou “Melhor álbum pop” pelo disco “Future Nostalgia”; Taylor Swift recebeu “Álbum do ano” com “Folklore”; e H.E.R. foi a premiada em “Música do Ano” com a canção “I Can’t Breathe”.

Conheça vencedores

Artista revelação

Megan Thee Stallion (vencedora)
Ingrid Andress
Phoebe Bridgers
Chika
Noah Cyrus
D Smoke
Doja Cat
Kaytranada

Melhor disco de country

“Wildcard”, de Miranda Lambert (vencedor)
“Lady Like”, de Ingrid Andress
“Your life is a record”, de Brandy Clark
“Nightfall”, de Little Big Town
“Never Will”, de Ashley Mcbryd

Melhor performance solo pop

“Watermelon Sugar”, de Harry Styles (vencedor)
“Yummy”, de Justin Bieber
“Say So”, de Doja Cat
“Everything I Wanted”, de Billie Eilish
“Don’t Start Now”, de Dua Lipa
“Cardigan”, de Taylor Swift

Música do ano

“I Can’t Breathe”, de H.E.R (vencedora)
“Black Parade”, de Beyoncé
“The Box”, de Roddy Ricch
“Cardigan”, de Taylor Swift
“Circles”, de Post Malone
“Don’t Start Now”, de Dua Lipa
“Everything I Wanted”, de Billie Eilish
“If the World Was Ending”, de JP Saxe e Julia Michaels

Melhor música de rap

“Savage”, de Megan Thee Stallion e Beyoncé (vencedora)
“The Bigger Picture”, de Lil Baby
“The Box”, de Roddy Ricch
“Laugh Now, Cry Later”, de Drake e Lil Durk
“Rockstar”, de DaBaby e Roddy Ricch

Melhor álbum pop

“Future Nostalgia”, de Dua Lipa (vencedor)
“Changes”, de Justin Bieber
“Chromatica”, de Lady Gaga
“Fine Line”, de Harry Styles
“Folklore”, de Taylor Swift

Melhor performance de R&B

“Black Parade”, de Beyoncé (vencedora)
“Lightning & Thunder”, de Jhené Aiko e John Legend
“All I Need”, de Jacob Collier, Mahalia e Ty Dolla $Ign
“Goat Head”, de Brittany Howard
“See Me”, de Emily King

Álbum do ano

“Folklore”, de Taylor Swift (vencedor)
"Chilombo”, de Jhené Aiko
“Black Pumas”, de Black Pumas
“Everyday Life”, de Coldplay
“Djesse Vol. 3”, de Jacob Collier
“Women in Music Pt. III”, de Haim
“Future Nostalgia”, de Dua Lipa
“Hollywood’s Bleeding”, de Post Malone

Gravação do ano

“Everything I Wanted”, de Billie Eilish (vencedora)
“Black Parade”, de Beyoncé
“Colors”, de Black Pumas
“Rockstar”, de DaBaby e Roddy Ricch
“Say So”, de Doja Cat
“Don’t Start Now”, de Dua Lipa
“Circles”, de Post Malone
“Savage”, de Megan Thee Stallion

Melhor álbum de jazz instrumental

“Trilogy 2”, de Chick Corea, Christian McBride e Brian Blade (vencedor)
“On the tender spot of every calloused moment”, de Ambrose Akinmusire
“Waiting Game”, deTerri Lyne Carrington e Social Science
“Happening: Live at the Village vanguard”, de Gerald Clayton
“Roudagain”, de Joshua Redman, Brad Mehldau, Christian McBride e Brian Blade

Melhor álbum de R&B

“Bigger Love”, de John Legend (vencedor)
“Happy 2 Be Here”, de Ant Clemons
“Take Time”, de Giveon
“To Feel Love/d”, de Luke James
“All Rise”, de Gregory Porter

Melhor canção R&B

“Better Than I Imagine”, de Robert Glasper, H.E.R. e Meshell Ndegeocello (vencedora)
“Black Parade”, de Beyoncé
“Collide”, de Tiana Major9 e Earthgang
“Do It”, de Chloe X Halle
“Slow Down”, de Skip Marley e H.E.R.

Melhor performance de grupo ou duo pop

“Rain on Me”, Lady Gaga e Ariana Grande (vencedora)
“Un Dia (One Day)”, de J Balvin, Dua Lipa, Bad Bunny e Tainy
“Intentions”, de Justin Bieber e Quavo
“Dynamite”, de BTS
“Exile”, de Taylor Swift e Bon Iver

Melhor performance de rap

“Savage”, de Megan Thee Stallion e Beyoncé (vencedora)
“Meep Reverence”, de Big Sean d Nipsey Hussle
“Bop”, de DaBaby
“What’s Poppin”, de Jack Harlow
“The Bigger Picture”, de Lil Baby
“Dior”, de Pop Smoke

Melhor música de rock

“Stay High”, de Brittany Howar (vencedora)
“Kyoto”, de Phoebe Bridgers
“Not”, de Big Thief
“Lost in yesterday”, de Tame Impala
“Shameika”, de Fiona Apple

Melhor performance de rock

“Shameika”, de Fiona Apple (vencedora)
“Kyoto”, de Phoebe Bridgers
“The Steps”, de Haim
“Stay High”, de Brittany Howard
“Daylight”, de Grace Potter
“Not”, de Big Thief

Melhor disco de rock

“The New Abnormal”, de The Strokes (vencedor)
“A Hero’s Death”, de Fontaines D.C.
“Kiwanuk”, de Michael Kiwanuka
“Daylight”, de Grace Potter
“Sound & Fury”, de Sturgill Simpson

Melhor música escrita para mídia visual

“No Time to Die”, de Billie Eilish O’Connell e Finneas Baird O’Connell (vencedora)
“Beautiful Ghosts”, de Andrew Lloyd Webber e Taylor Swift
“Carried Me With You”, de Brandi Carlile, Phil Hanseroth e Tim Hanseroth
“Into the Unknown”, de Kristen Anderson-Lopez e Robert Lopez
“Stand Up”, de Joshuah Brian Campbell e Cynthia Erivo

Melhor gravação de dance

“10%”, de Kaytranada e Kali Uchis (vencedora)
“On My Mind”, de Diplo e Sidepiece
“My High”, de Disclosure Featuring Aminé e Slowthai
“The Difference”, de Flume e Toro Y Moi
“Both of Us”, de Jayda G

Melhor álbum alternativo

“Fetch the Bolt Cutters”, de Fiona Apple (vencedor)
“Hyperspace”, de Beck
“Punisher”, de Phoebe Bridgers
“Jaime”, de Brittany Howard
“The Slow Rush”, de Tame Impala

Melhor trilha sonora para mídia visual

“Jojo Rabbit” (vencedora)
“Um Lindo Dia na Vizinhança”
“Bill & Ted: Encare a Música”
“Festival Eurovision da Canção: A Saga de Sigrit e Lars”
“Frozen 2”

Melhor vídeo musical

“Brown Skin Girl”, de Beyoncé (vencedor)
“Life Is Good”, de Future e Drake
“Lockdown”, de Anderson Paak
“Adore You”, de Harry Styles
“Goliath”, de Wookid