PUBLICIDADE
Vida & Arte
Noticia

Dia Internacional da Mulher: Confira filmes dirigidos e protagonizados por mulheres para ver em casa

Neste 8 de março, Dia Internacional da Mulher, o Vida&Arte lista produções cinematográficas feitos e estrelados por mulheres para assistir em casa

13:00 | 08/03/2021
A cineasta Adélia Sampaio é símbolo do protagonismo feminino no cinema brasileiro (Foto: Reprodução/Acervo pessoal)
A cineasta Adélia Sampaio é símbolo do protagonismo feminino no cinema brasileiro (Foto: Reprodução/Acervo pessoal)

Na indústria cinematográfica, as mulheres seguem na luta por igualdade de gênero, representatividade e emancipação — tanto nos sets de filmagens quanto nas telas. Pensando nisso, o Vida&Arte apresenta uma lista de filmes protagonizados e dirigidos por mulheres para assistir em casa e compartilhar com os amigos por meio das redes sociais.

Amor Maldito

Dirigido por Adélia Sampaio, a primeira mulher negra a realizar um longa-metragem de ficção no Brasil, o filme apresenta a relação amorosa da executiva Fernanda (Monique Lafond) e da ex-miss Sueli (Wilma Dias). Elas se apaixonam e decidem morar juntas. Contudo, algo inesperado acontece: o relacionamento passa por uma crise, Sueli engravida de um jornalista, que a abandona. O filme é uma das produções de Adélia disponíveis gratuitamente on-line.

Onde assistir: no YouTube

Laerte-se

Documentário dirigido por Lygia Barbosa da Silva e Eliane Brum, a produção aborda a vida da cartunista e chargista Laerte, uma das artistas mais emblemáticas do Brasil. Filme traça um panorama entre Laerte e sua obra, identificando ligações entre a arte e a artista.

Onde assistir: na Netflix

Como nossos pais

Dirigido por Laís Bodanzky, com Maria Ribeiro no elenco, o filme aponta diversas lacunas da vida de Rosa (mãe, filha, esposa, amante, profissional). Ela se vê num emaranhado de indagações sobre si e o entorno, quando percebe a relação com o marido, a mãe, as filhas, o pai e um trabalho infeliz. Longa-metragem venceu seis Kikitos no Festival de Cinema de Gramado de 2017.

Onde assistir: na Netflix

Campo Grande

Longa-metragem da premiada Sandra Kogut, o filme é estrelado por Carla Ribas e Julia Bernat. Na trama, as crianças Ygor e Rayanne são abandonadas na porta da casa de Regina (Carla Ribas), localizada em Ipanema, um dos bairros com o valor do metro quadrado mais caro do Rio de Janeiro.

Onde assistir: na Netflix

A Cidade onde Envelheço

Filme de Marília Rocha, o longa-metragem acompanha a relação entre duas amigas que estavam distantes, tanto fisicamente quanto emocionalmente. Francisca (Francisca Manuel), portuguesa que mora no Brasil, recebe Teresa (Elisabete Francisca Santos), uma amiga da sua terra natal que já não tinha mais contato, em sua casa.

Onde assistir: na Netflix