PUBLICIDADE
Vida & Arte
Noticia

Fim do Daft Punk: relembre destaques da carreira da dupla

Em quase três décadas de carreira, o duo francês lançou sucessos como "Get Lucky", "One More Time", "Instant Crush" e "Love Yourself to Dance"

17:20 | 22/02/2021
Em vídeo publicado no Youtube, Daftpunk se despede da carreira (Foto: Reprodução/ Youtube)
Em vídeo publicado no Youtube, Daftpunk se despede da carreira (Foto: Reprodução/ Youtube)

Dois homens de capacetes e ternos de couro. Nenhuma outra descrição é necessária para fazer os fãs de música eletrônica e do gênero pop logo associarem ao Daft Punk. Após 28 anos de carreira, a dupla francesa anunciou o fim da união em vídeo publicado no Youtube. O duo, composto por Guy-Manuel de Homem-Cristo e Thomas Bangalter, encerra sua trajetória com grandes sucessos na indústria musical.

Eles eram jovens quando iniciaram a carreira artística. Faziam parte de outro grupo, o “Darlin’”, mas foi somente quando este se dissolveu que a dupla criou o “Daft Punk”, em 1993. No ano seguinte ao seu surgimento, lançaram o single de estreia “The New Wave” (que passaria a se chamar “Alive”, no primeiro álbum).

Após divulgarem uma segunda canção, “Da Funk”, produziram o álbum “Homework” (1997). Entre as 16 faixas, destaca-se “Revolution 909”, “Around The World” e “Burnin”. Com essa obra, eles começaram a ter visibilidade na França.

Dois anos depois, lançam o álbum “Discovery”. Pela primeira vez, alcançavam paradas de sucesso com as composições "One More Time" e "Harder, Better, Faster, Stronger". Além delas, estão presentes “Aerodynamic”, “Digital Love”, “Something About Us” e “Face to Face”.

Também produziram o disco “Humam After All” (2005), que contém "Robot Rock", "Technologic", "Human After All" e "The Prime Time of Your Life". Mas foi com o álbum ao vivo “Alive” (2007), que revisita a trajetória do Daft Punk, que a dupla recebeu os Grammy’s na categoria “Melhor Álbum de Eletrônica/Dance” em 2008.

No mesmo ano em que ganharam a premiação, lançaram “Tron: Legacy”, que fez parte da trilha sonora do filme homônimo de ficção científica. Em 22 faixas, o trabalho integra diversas cenas do longa-metragem dirigido por Joseph Kosinski.

Em 2013, o álbum “Random Acess Memories” contou com parcerias de vários artistas, como Paul Williams (“Touch”), Todd Edwards (“Fragents of Time”), Panda Beart (“Doin it Right”) e Julian Casablanca (“Instant Crush”). O disco seria o último lançado antes de anunciarem o fim da dupla.

Os principais destaques dessa obra foram as composições com Pharrell Williams. “Get Lucky”, por exemplo, ganhou duas categorias nos Grammy’s de 2014: “Gravação do ano” e “Melhor performance de pop em duo/grupo”. Também alcançaram sucesso com “Lose Yourself To Dance”.