PUBLICIDADE
Noticia

Morando nos Estados Unidos, cearense Sam Alves trabalhou como Uber e engordou 15 quilos

O cantor destacou que sua mudança para os Estados Unidos teve como objetivo trabalhar mais o seu estilo de música, com a pegada mais em inglês

10:18 | 17/10/2020
Cantor cearense Sam Alves revela sentir saudades da época em que participava do programa The Voice Brasil (Foto: Reprodução / Instagram Sam Alves)
Cantor cearense Sam Alves revela sentir saudades da época em que participava do programa The Voice Brasil (Foto: Reprodução / Instagram Sam Alves)

O cantor cearense Sam Alves, vencedor da segunda temporada do programa The Voice Brasil, em 2013, revelou detalhes sobre sua mudança para os Estados Unidos e os desafios traçados por ele após o programa. Dividindo a vida com o seu namorado, o modelo e ator Leo Moreira, Sam revela sentir saudades da época do programa. Ele falou em entrevista ao Gshow.

Durante a entrevista, o cantor destacou que a mudança para os Estados Unidos teve como objetivo trabalhar mais o seu estilo de música, com a pegada em inglês. No Brasil, o cantor disse que se sentia restrito em relação a isso. “Quando tive oportunidade de sair do contrato, pude planejar a volta para os Estados Unidos, um trabalho mais independente, pude fazer as coisas do meu jeito, no meu tempo”, revela.

Com intuito de tirar um tempo para ele mesmo, Sam tirou um ano sabático para se dedicar a ele próprio, além de fazer a mudança com o seu namorado, que queria está focado nisso.

Mudança para os Estados Unidos

Em 2018, quando chegou ao País, ele trabalhou como motorista de aplicativo, em Orlando, na Flórida, durante um ano e meio, até 2019. Segundo o cantor, comprou um carro e começou a trabalhar nesse meio para poder ganhar um dinheiro extra, sem precisar mexer no dinheiro guardado. “Era uma forma de me manter sem comer o dinheiro da poupança. Depois, quando me mudei de Orlando para Nova York, não fiz mais”, disse

Neste ano, com a chegada da pandemia do novo coronavírus e durante o período de quarentena, o cantor chegou a engordar 15 quilos, mas isso não foi motivo de tristeza e que está feliz com o seu corpo. “Engordei uns 15 kg na quarentena, mas quero manter o peso e transformar a gordura em massa muscular. Estou com 74/75 kg e estou me gostando assim”, relata.

Entre as mudanças em virtude do aumento de peso, o cantor destaca a adoção de uma boa alimentação para se manter no que está de forma mais saudável. “Tenho mudado minha alimentação nas últimas semanas para comidas mais orgânicas e naturais e malhado para poder ter a aparência que eu desejo, e não o peso em si”, aponta.

Veja como ele está agora