PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Escola pública de Maracanaú realiza gincana literária online

Adolescentes recriam clássicos da literatura brasileira e conscientizam a sociedade sobre pandemia do novo coronavírus

19:44 | 04/06/2020
 A instituição atende estudantes indígenas, da tribo Pitaguari, e não-indígenas das comunidades do Horto Florestal e Vila das Flores (Foto: divulgação)
A instituição atende estudantes indígenas, da tribo Pitaguari, e não-indígenas das comunidades do Horto Florestal e Vila das Flores (Foto: divulgação)

Em meio à pandemia do novo coronavírus, a escola pública EEFM Carneiro de Mendonça, localizada no Horto Florestal, em Maracanaú, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), está desenvolvendo uma gincana literária online. O objetivo é que a prática envolva os adolescentes que não estavam participando das aulas remotas e entregando as atividades. A instituição atende estudantes indígenas, da tribo Pitaguari, e não-indígenas das comunidades do Horto Florestal e Vila das Flores.

O projeto 'Encontro das Artes' foi desenvolvido pela diretora do colégio, Damiriam Dira, que viu a necessidade de chamar a atenção dos alunos que estavam dispersos e torná-los protagonistas do processo educacional. Entre as atividades, os estudantes devem gravar vídeos baseados em clássicos da literatura brasileira e também alertas sobre a pandemia, conscientizando os demais.

"Nós postávamos atividades no Google Classroom, mas o retorno estava diminuindo. Querendo ou não, quando você coloca o educando para se apropriar mesmo, ele se torna protagonista. São em momentos como esses que a escola, mesmo sucateada, pessoas buscam novos meios para dar certo", explica o professor Emanuel Mendes.

Premiação

O professor relata que todos os alunos encaram a disputa de forma saudável, ao ponto de, segundo ele, nem parecer uma competição. Com a final marcada para a próxima sexta-feira, 5 de junho, além da nota de participação, o 'Encontro das Artes' dará troféus e medalhas aos melhores trabalhos.