Participamos do

Inflr e Adaction arrematam Alive por R$ 55 milhões

Com foco em soluções de ponta a ponta para mobile marketing, o grupo adquire startup de live commerce
12:03 | Mar. 24, 2022
Autor Hamilton Nogueira
Foto do autor
Hamilton Nogueira Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

As startups Inflr, pioneira em novos modelos de entrega no mercado de marketing de influência, e Adaction, veículo de comunicação especializado em mobile growth com foco em campanhas de conversão, acabam de adquirir a plataforma de live commerce, Alive, por R$ 55 milhões. Neste ano, o grupo pretende faturar R$ 180 milhões de reais, R$ 63 milhões a mais que ano passado.

Fundada pelos sócios Timoteo Gomes, Gabriel Reginatto e Felipe Piazza, a Alive. é uma plataforma white-label (produto ou serviço produzido por uma empresa mas que outras empresas mudam de marca e assumem como sua produção) de live commerce, cujo foco central é ajudar marcas a participarem do próximo passo do e-commerce: a compra por vídeo.

A empresa permite que as marcas realizem lives com baixíssimo custo, quando e onde quiserem, sem necessidade de contratação de empresa de transmissão, utilizando apenas o aplicativo da empresa, que transmite em alta qualidade aos seguidores. Além disso, a Alive tem entre seus investidores empresas como Stone, Grupo Globo, Maya e Atmos.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

“A aquisição da Alive potencializa nossa operação digital. Já somos líderes em conversão por mobile marketing com a Adaction, os únicos a entregar 100% de alcance em marketing de influência através da metodologia Inflr e agora, queremos ir além. Com a Alive oferecemos às marcas e aos criadores de conteúdo a comercialização de produtos diretamente em suas lives, sem perder a audiência, sem deixar a compra para depois. O que trazemos para o Brasil já é uma realidade na China, País que mais vende em lives”, diz Thiago Cavalcante, CEO & CSO da Inflr.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Leia Mais.

Aceitar