Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Aplicativo gratuito ajuda a localizar pets perdidos

Tecnologia de reconhecimento facial desenvolvida pela Pupz utiliza inteligência artificial para identificar animais por focinho e pontos da face.

Com o crescimento do número de animais nos lares brasileiros, a preocupação com a segurança dos pets só aumenta, mas com o avanço da tecnologia já existem diversas soluções para quem não quer perder os passos dos bichinhos.

A Pupz, empresa especializada em produtos pets, criou um aplicativo gratuito de reconhecimento facial, o qual permite que os responsáveis encontrem seus animais quando perderem os bichinhos de vista. O app está disponível para Android e IOS e surgiu com o objetivo de ajudar os tutores nessa saga.

“Nós levamos anos para desenvolver esse aplicativo, que por meio da inteligência artificial consegue ligar os pontos da face do animal para identificá-lo. Para isso, nós utilizamos três redes neurais convolucionais, uma classe aplicada com sucesso no processamento e análise de imagens digitais, e que é a base para o reconhecimento facial dos pets em nosso sistema”, explica Carlos Fabbro, especialista em tecnologia e idealizador da Pupz.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O empresário é tutor da Channel, uma Golden Retriever que foi a musa inspiradora para o desenvolvimento do aplicativo de reconhecimento facial e criação da empresa, especializada em produtos para garantir a segurança dos animais, como coleiras, peitorais e tags para identificação.

Como usar o app para localizar pets perdidos?

O sistema de reconhecimento facial da Pupz pode ser usado sem custos. O usuário só precisa baixar o app na loja de aplicativos do respectivo sistema operacional de seu smartphone, sendo que a empresa disponibiliza versões para os mais utilizados atualmente, IOS e Android.

Após a instalação, basta seguir com o cadastro na plataforma do tutor e do pet, e utilizar a câmera do próprio celular para fazer o reconhecimento facial do animal, que ficará arquivado na plataforma.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar